Com planos ambiciosos para seguir dominante no mercado de carros elétricos, a BYD deve iniciar em breve produção na sua nova fábrica na Tailândia no terceiro trimestre de 2024, à medida que pretende acelerar as suas vendas no exterior. As informações são do site Electrek.

Leia mais:

O anúncio da construção da nova fábrica foi feito na última semana, enquanto a montadora chinesa apresentava seus modelos elétricos no Salão do Automóvel de Bangkok.

A BYD foi a fabricante de veículos elétricos mais vendida na Tailândia no ano passado. O modelo com mais unidades vendidas foi um SUV, o BYD Atto 3. Ao todo, o modelo teve mais de 19.200 unidades entregues a clientes no país.

publicidade

O gerente geral da divisão de vendas da Ásia-Pacífico da BYD chegou a informar a existência de filas para comprar o veículo, que atingiu a sua meta de vendas de 10 mil unidades em apenas 42 dias.

Em março do ano passado, já havia sido inaugurada a primeira fábrica da montadora na Tailândia. Visando se fortalecer em um país onde é a líder de vendas, a marca já prevê concluir a construção da próxima fábrica nos próximos meses.

carro elétrico
Imagem: Walter Eric Sy/Shutterstock

BYD cada vez mais influente na Tailândia

  • A BYD alega que será um investimento capaz de criar um número significativo de empregos, ao mesmo tempo que trará tecnologia de ponta para a região na fabricação de carros elétricos.
  • Assim que estiver pronta para operar, a nova fábrica da BYD na Tailândia deverá construir 150.000 veículos elétricos por ano.
  • A montadora solidificou seu compromisso com a região à medida que a Tailândia trabalha em direção à meta de que 30% dos veículos fabricados no país sejam elétricos.

Após iniciar a produção na sua fábrica no Uzbequistão em janeiro, a BYD segue a todo vapor para expandir sua marca em diversos países. Também está em andamento a construção de uma nova instalação na Hungria, e como já falamos anteriormente, a marca deve começar a produzir no Brasil ainda este ano.

byd
Imagem: Robert Way/Shutterstock