Segunda missão da Crew Dragon parte em 2021; conheça os astronautas

A Nasa anunciou os quatro integrantes da missão Crew-2; lançamento deve ocorrer no primeiro semestre do ano que vem

Davi Medeiros, editado por Daniel Junqueira 28/07/2020 19h38
Crew Dragon
A A A

A Nasa e a SpaceX continuam tomando decisões acerca de sua parceria no Programa Comercial de Missões Tripuladas (Commercial Crew Program). Embora a missão Crew-1 ainda não tenha sido lançada, já foram definidos os astronautas que viajarão para a Estação Espacial Internacional (ISS) na Crew-2. A equipe será composta por dois americanos, um japonês e um francês. A missão deve partir no primeiro semestre de 2021.


A Crew-1 será o primeiro voo oficial tripulado da cápsula Crew Dragon, fabricada pela SpaceX. Em maio, dois astronautas foram lançados à ISS num voo de teste, e, se tudo ocorrer como o previsto, devem retornar à Terra em 2 de agosto. A partir disso, serão finalizados os preparativos para a Crew-1 e, futuramente, para a Crew-2. 

Conheça a tripulação da Crew-2

Os dois estadunidenses da Crew-2 serão o comandante Shane Kimbrough e a piloto Megan McArthur. O primeiro é astronauta desde 2004, e esta será sua terceira viagem para o espaço. A primeira missão que integrou foi em 2008, a bordo do aposentado ônibus espacial Endeavour. Ao todo, Shane já passou 189 dias fora da Terra. 

34058555126_38cc632a84_k.jpg

O astronauta Shane Kimbrough. Imagem: Reprodução/Nasa

Megan, embora seja astronauta desde 2000, irá para o espaço apenas pela segunda vez com a Crew-2. Em 2009, ela participou da quinta e última missão de serviço ao Telescópio Espacial Hubble. À época, sua estadia no espaço durou 12 dias e 21 horas. Esta será sua estreia na ISS.

48467007141_f28ea0c859_k.jpg

Megan McArthur. Imagem: Reprodução/Nasa

O japonês Akihiko Hoshide, da Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial, possui experiência prévia de 124 dias na ISS, havendo integrado as expedições 32 e 33 à Estação. Em 2008, ele participou da missão STS-124 a bordo do também aposentado ônibus espacial Discovery. 

akiko-astro.jpg

Akihiko Hoshide, astronauta da Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial. Imagem: Reprodução/Nasa 

Por último, o francês Thomas Pesquet é o astronauta mais experiente do grupo, tendo passado 196 dias no espaço. Ele faz parte da Agência Espacial Europeia, e já visitou a ISS nas expedições 50 e 51.

35446394185_79fe30829d_k.jpg

Thomas Pesquet, da Agência Espacial Europeia. Imagem: Reprodução/Flicker

Os astronautas ficarão na ISS por aproximadamente seis meses. Eles trabalharão em conjunto com três cientistas que chegarão a bordo da nave russa Soyuz. Segundo a agência, uma tripulação desse tamanho já é suficiente para "dobrar a quantidade de ciência que pode ser conduzida no espaço". 

O Commercial Crew Program é uma parceria público-privada firmada entre a Nasa e a SpaceX para lançar foguetes feitos nos Estados Unidos a partir de solo americano. A empresa privada entra com a estrutura e tecnologia dos foguetes, permitindo à agência o envio de mais astronautas à ISS com menor custo. Essa também foi a alternativa encontrada pela Nasa para continuar realizando lançamentos enquanto o Space Launch System, veículo que vem construindo há quase uma década, não fica pronto.

Via: Nasa


Nasa spaceX ISS crew dragon
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você