DuckDuckGo perde leilão de mecanismos de busca do Android na Europa

Buscador criticou o formato de leilão, apontando que não garante equidade e não reflete a vontade dos usuários em relação à privacidade de navegação

Da Redação, editado por Daniel Junqueira 30/09/2020 15h05
DuckDuckGo
A A A

O DuckDuckGo perdeu, na última segunda-feira (28), o leilão de mecanismos de busca do Android para o Bing, da Microsoft, em quase todos os países da União Europeia (UE). Após a notícia, representantes do aplicativo criticaram a decisão em seu blog oficial.


Para o buscador, os usuários europeus do Android perdem por não ter acesso facilitado a uma alternativa de buscador que 'preza pela privacidade de quem o utiliza'. "O atual menu de preferências de pesquisa do Google na UE não está adequadamente projetado, evidenciado pelos resultados do leilão do quarto trimestre de 2020 recém-divulgados, listando quais mecanismos de pesquisa aparecerão no menu. DuckDuckGo, apesar de ser a alternativa do Google que os consumidores mais desejam selecionar, não aparecerá mais na maioria dos países. Como resultado, muitos residentes da UE que comprarem um novo dispositivo Android não terão mais uma maneira fácil de adotar um mecanismo de busca privado."

Reprodução

União Europeia exige leilão de opções de buscadores para promover concorrência no Android. Foto: Pixabay

De acordo com o DuckDuckGo, o leilão antitruste do Android na União Europeia é 'essencialmente falho'. “Este 'remédio' antitruste da UE está servindo apenas para fortalecer ainda mais o domínio do Google na pesquisa para celular, eliminando mecanismos de pesquisa alternativos que os consumidores queiram usar e, para os mecanismos de busca que permanecem, tirando a maior parte de seus lucros do menu de preferências”.

O leilão antitruste do Android na União Europeia é resultado de uma decisão jurídica do bloco que multou o Google em US$ 5 bilhões por abusar de seu domínio no mercado europeu de telefonia. A acusação era de que apenas seu buscador era oferecido aos usuários, sem alternativas.

Desde 2018, então, o Google realiza leilões anuais para definir quais buscadores serão utilizados nos países que constituem a União Europeia. O último leilão, que teve seus resultados apresentados nesta segunda-feira (28), definiu que apenas três países do bloco terão o DuckDuckGo como sugestão de buscador no Android.

Fonte: The Verge

Google união europeia DuckDuckGo
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você