Salário TI

Salários para profissionais de TI registram aumento em 2019

Vinicius Szafran, editado por Daniel Junqueira 22/01/2020 15h20
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Pesquisa mostra que a remuneração média do ano passado aumentou US$ 5 mil em relação a 2018

De acordo com o relatório anual da Global Knowledge, os profissionais de tecnologia da informação ganharam, em média, US$ 5 mil a mais em 2019, em relação a 2018. O salário médio anual para esses profissionais em todo o mundo é de US$ 89.732 - o mais alto já registrado no relatório.


Segundo especialistas, o motivo para o aumento salarial médio da TI foi a melhoria de desempenho no trabalho. Com progressos no desenvolvimento profissional, os resultados apresentados pela área de TI vêm sendo mais satisfatórios e, consequentemente, impulsiona a remuneração.

Globalmente, os maiores salários incluem gerenciamento de projetos (US$ 98.344), arquitetura e design de TI (US$ 98.580), segurança cibernética (US$ 97.322) e cloud computing (US$ 115.889). Ainda assim, os valores variam conforme a região.

Na América do Norte, por exemplo, os profissionais de TI em 2019 ganharam, em média, US$ 109.985, 23% a mais do que a média mundial. 50% deles receberam bônus, e 6% também ganharam aumento de 6% de salário. Nos Estados Unidos, os colaboradores receberam salários médios mais altos do que os de qualquer outra região: US$ 113.639. Já no Canadá, por exemplo, a média anual é de US$ 74.048.

Reprodução

As áreas de atuação com maior remuneração na América do Norte incluíram executivos (US$ 148.034), computação em nuvem (US$ 138.320) e arquitetura e design de TI (US$ 126.095).

Já na América Latina, a média de salário entre os profissionais de TI, foi de US$ 41.465. Vale ressaltar que os líderes recebem muito mais do que sua equipe - uma diferença de 44%. As áreas funcionais com os maiores salários foram executivos (US$ 68.253), cloud computing (50.480) e gerenciamento de projetos e programas (US$ 48.478).

Os profissionais de TI da região Ásia-Pacífico recebem, em média, US$ 65.738 ao ano. Assim como na América Latina, os salários dos superiores é bem maior que o da equipe de TI: 38%. As funções mais bem pagas são: executivo (US$ 108.794), cloud computing (US$ 84.764) e gerenciamento de programas e projetos (US$ 74.608).

Reprodução

Por fim, entre África, Oriente Médio e Europa, o salário médio da equipe de TI foi de US$ 70.445. De acordo com o relatório, os profissionais tiveram um aumento de 6%, enquanto os tomadores de decisão receberam 5% a mais. Na Europa, os melhores salários ficam na Suíça, com média de US$ 136.301. A Noruega aparece em segundo lugar, com US$ 97.525, seguida pela Alemanha, com US$ 95.456.

Os mais bem remunerados na região foram executivos (US$ 101.523), cloud computing (US$ 99.290) e arquitetura e design de TI (US$ 83.606).

Conforme apontado pelo estudo, todas as regiões apresentaram um aumento de remuneração em TI. Para os entrevistados, os principais fatores apontados como responsáveis pelo crescimento foram o seu próprio desempenho atual no emprego (42%), melhoria do padrão da empresa (39%), promoção dentro da empresa (15%) e aumento no custo de vida (15%).

Outro ponto importante destacado foi o desenvolvimento de novas habilidades (9%). Segundo a pesquisa, os profissionais que desenvolveram novas habilidades de valor agregado ganharam cerca de US$ 12 mil a mais do que em 2018, indicando que treinamentos e aprimoramentos são recompensados.

Via: CIO

Dinheiro TI salario tecnologia da informação
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você