TV por assinatura

TVs por assinatura começam a enviar alertas de risco de desastres

Vinicius Szafran, editado por Daniel Junqueira 28/10/2019 19h20
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Os alertas serão emitidos pela Defesa Civil; sistema já existe em grande parte do país e chega agora a São Paulo

As prestadoras de TV por assinatura começam hoje a enviar alertas de risco de desastres naturais aos clientes do Estado de São Paulo. A medida chega para se somar ao sistema de envio de alertas por mensagem de texto (SMS), implantado no país em 2017. Os eventos são informados à população pela Defesa Civil.


Os clientes de TV por assinatura do Paraná e Santa Catarina foram os primeiros a receber esse sistema, em funcionamento desde março deste ano. Em setembro, foi a vez do Rio Grande do Sul e, no fim do mês passado, o sistema chegou aos estados de Alagoas, Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. A chegada às regiões Norte e Centro Oeste está prevista para novembro, enquanto os demais estados do Nordeste devem começar a receber os avisos a partir de dezembro.

Ao contrário do que acontece nas mensagens de texto para celular, o cliente de TV por assinatura não precisa se cadastrar para receber os avisos, que será feito apenas em caso de alertas com maior gravidade. A mensagem aparecerá na tela do televisor, enquanto o usuário estiver assistindo à programação, no formato de um pop-up (uma pequena tela sobreposta à imagem do programa).

Os eventos que podem desencadear os alertas de risco são chuvas fortes, alagamentos, enchentes, deslizamentos de terra e baixa umidade relativa do ar, por exemplo. As mensagens podem incluir avisos para o usuário buscar abrigo, além de conter os telefones da Defesa Civil e de serviços de emergência.

Como receber os alertas

Para receber o alerta no celular, as pessoas devem se cadastrar enviando um SMS para o número 40119, com o CEP do endereço que deseja monitorar. Podem ser cadastrados mais de um endereço por número de celular. O serviço é gratuito e funciona em todas as regiões do Brasil.

Coordenado pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), do Ministério da Integração, o sistema foi implantado pelas prestadoras de telefonia em parceria com a Defesa Civil dos estados e com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Os custos referentes ao envio das mensagens estão a cargo das empresas.

Celulares Televisão SMS TV por assinatura Anatel TV tv paga Uso de celular correios celular Prefeitura de São Paulo Governo de São Paulo Celular São Paulo
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você