EnglishPortugueseSpanish

Nesta segunda-feira (14), usuários que tentaram acessar alguns dos serviços do Google – como Gmail, YouTube, Google Drive e Google Meet – encontraram instabilidades. Nas redes sociais, afirmações como “Youtube Fora do Ar?” ou “Gmail não está entrando” bombaram. Foram exibidas mensagens de erro e que a conta está temporariamente indisponível.


Segundo relatos registrados no site DownDetector, os problemas nos serviços da empresa começaram a ser registrados por volta das 8h pelo horário de Brasília. O motivo das falhas ainda não está claro.

publicidade
imagem de exibição mostrando youtube fora do ar
Mensagem de que há algo errado é exibida quando a página do YouTube é acessada. Foto: YouTube/Reprodução

Não demorou muito para que as redes sociais fossem inundadas com reclamações do ocorrido. Alguns usuários chegaram a brincar com a situação, como podemos ver no tuíte abaixo.

Felizmente, pouco tempo depois, por volta das 9h30, o acesso a maioria dos serviços foi normalizado. Apenas o Gmail ainda conta com alguns problemas para alguns usuários. No entanto, agora, segundo o Google Workspace, todos os problemas foram resolvidos.

planilha de todos os serviços google que sofreram instabilidade
Gmail ainda passa por alguns problemas; os outros serviços foram normalizados. Foto: Google/Reprodução

Ao Olhar Digital, o Google enviou o seguinte posicionamento: “Hoje, às 8h47 da manhã (horário de Brasília), o Google sofreu uma queda em seu sistema de autenticação, por aproximadamente 45 minutos, em razão de um problema de gestão interna da cota de armazenamento. Os serviços que requerem login de usuários apresentaram altas taxas de erro durante esse período. O erro de autenticação foi resolvido às 9h32. Todos os serviços estão restaurados. Pedimos desculpas aos afetados e iremos conduzir uma revisão minuciosa para garantir que isso não ocorra novamente no futuro”.

Gmail, Drive, Docs e Youtube fora do ar

Não foi a primeira vez neste ano que os serviços do Google ficaram fora do ar. Em 4 de dezembro, o Google passou por problemas semelhantes. Na ocasião, os principais serviços da empresa, como Gmail, YouTube, Google Drive e o próprio buscador apresentaram instabilidades.

Segundo o site Downdetector, assim como a falha desta segunda, as reclamações começaram por volta das 8h da manhã.

O pico de reclamações com relação ao Google teve início às 11h04, problemas no Gmail também começaram a ser relatados no mesmo período. Na página do Downdetector, muitos usuários do serviço de e-mails relataram dificuldades no envio e em anexar documentos.

Quanto ao YouTube, o pico de reclamações teve início minutos depois, às 11h34. Usuários na página se queixaram da impossibilidade ou da dificuldade de reproduzir vídeos na plataforma, acesso ao site e falha de caráter geral – bastante semelhante com o ocorrido desta manhã.

Já o serviço de nuvem Google Drive também teve pico de reclamações. De acordo com o site de monitoramento, a principal reclamação se referia à dificuldade de carregamento e sincronização de arquivos. Relatos de lentidão no sistema G Suite também foram registrados na época.