O primeiro smartphone dobrável surgiu no mercado há pouco mais de três anos dois anos. Após o lançamento do Flexpai, da empresa chinesa Royole, surgiram outros modelos dobráveis de fabricantes populares como Samsung e Huawei. Mas, recentemente, rumores citam um possível interesse da Apple em produzir um iPhone dobrável e com apoio da marca LG.

O relatório mais recente afirma que o novo dispositivo dobrável vai usar um design flip, mais parecido com um Galaxy Z Flip. De acordo com a DigiTimes, a LG Display vai ajudar a Apple a desenvolver um painel dobrável, abrindo caminho para o lançamento do primeiro celular do tipo da companhia.

publicidade
iPhone dobrável, de acordo com rumores, pode chegar ao mercado em 2022.
Imagem: Ics813 / Istockphoto

De acordo com especialistas da indústria, a LG Display ajudará a Apple no desenvolvimento de um painel OLED dobrável para o suposto iPhone. No entanto, não está claro se a companhia vai fornecer o painel de exibição para a Apple e se ele pode ser produzido em massa.

Além disso, a Samsung Display também poderá ser fornecedora de telas dobráveis OLED para a Apple, e deve enviar amostras para testes. Vale lembrar que a fabricante chinesa BOE ingressou recentemente na concorrência para fornecer suprimentos de telas para o iPhone 12. Como a Apple não teria determinado, é possível que o iPhone dobrável utilize telas de diferentes marcas.

iPhone dobrável pode ser “barato”

De acordo com Jon Prosser, o iPhone dobrável pode chegar ao mercado custando US$ 1.499. Mas esse preço é “bom demais para ser verdade”, pois seria mais barato do que alguns smartphones dobráveis ​​já lançados. O Galaxy Z Fold 2, por exemplo, foi lançado por US$ 1.999.

Rumores também afirmam que o preço mais baixo pode ser o motivo pelo qual a empresa está optando pelo formato de flip. O tamanho do dispositivo, quando fechado, pode ser o do iPhone 12 mini. Posteriormente, a marca pode revelar um iPhone dobrável totalmente novo, com formato mais próximo de um tablet e, assim, mais caro.

Quanto à data de lançamento, Prosser afirma que será em setembro de 2022. No entanto, ele também acredita que o plano da Apple pode mudar. Além disso, a empresa deve se livrar do recorte na tela que introduziu com o iPhone X em 2017.

É importante reforçar que os rumores também podem não se concretizar. Até então, não há nenhuma palavra da Apple sobre o lançamento de um suposto iPhone dobrável.

Via: Gizchina