Com data marcada para 24 de março, a 3ª edição do webinar internacional BR-UK Tech Summit já está com inscrições abertas. O encontro vai abordar o impacto da inovação proporcionada pela pandemia do novo coronavírus e discutir o papel de iniciativas Govtech — projetos inovadores de governos.

Um dos principais destaques do BR-UK Tech Summit é a presença de Iain O’Neil, diretor de transformação digital do Sistema Nacional de Saúde do Reino Unido (NHSX). O órgão é responsável pelo aplicativo (ainda em fase beta) Contact-Tracing, que monitora a propagação do coronavírus por meio de inteligência de dados combinada ao sinal bluetooth dos smartphones.

publicidade

Na prática, o app emite alertas sobre riscos de contágio com base na localização de usuários da plataforma já diagnosticados com Covid-19 e que integram o banco de dados do NHS. O aplicativo é visto como uma importante iniciativa Govtech e tem mais de 40 mil cadastrados.

Leia mais:

Além da presença de profissionais do setor de inovação, a cerimônia terá a participação de Luis Felipe Monteiro, secretário Nacional de Governo Digital do Brasil, e de Beatriz Sanutti, diretora do Programa de Acesso Digital do Governo do Reino Unido. No fim do ano passado, Brasil e Reino Unido assinaram um documento de cooperação na área de inovação digital.

Luis Felipe Monteiro, secretário Nacional de Governo Digital e Liz Davidson, Encarregada da Embaixada do Reino Unido, assinando acordo em prol da inovação tecnológica
Acordo assinado no ano passado indica aproximação do Brasil com o governo britânico em prol da inovação tecnológica. Foto: Edu Andrade/Ascom

A reunião deve abordar, ainda, o impacto da inovação aberta no Brasil, os desafios futuros na agenda de inovação e o Marco Legal das Startups — projeto que aguarda aprovação na Câmara dos Deputados e busca regular e incentivar o empreendedorismo inovador.

As inscrições para a 3ª edição do BR-UK Tech Summit podem ser feitas gratuitamente neste link. O webinar, realizado pela Chevening Brazil, está marcado para as 9h de 24 de março e poderá ser acompanhado pelo canal oficial da UK in Brazil no YouTube.