Nesta terça-feira (20), o Venmo, serviço de pagamento móvel do PayPal, anunciou uma nova funcionalidade que permitirá a compra, venda e alocação de criptomoedas em seu aplicativo. A expectativa é de que o recurso seja disponibilizado para os mais de 70 milhões de usuários nas próximas semanas.

Intitulado de “Crypto on Venmo”, a funcionalidade não só permitirá transações e reservas de criptomoedas, como também vai exibir vídeos e guias explicativos sobre o universo das moedas digitais para seus usuários.

publicidade

O serviço de pagamento móvel aceitará quatro moedas digitais: bitcoin, ethereum, litecoin e bitcoin cash. De acordo com a publicação do PayPal, a jornada de investimentos com as criptomoedas poderá ser iniciada a partir de US$ 1.

“Nosso objetivo é fornecer aos nossos clientes uma plataforma fácil de usar que simplifica o processo de compra e venda de criptomoedas e desmistifica algumas das perguntas e equívocos comuns que os consumidores podem ter”, afirmou Darrell Esch, vice-presidente sênior e gerente geral do Venmo.

Recurso de transações de criptomoedas do Venmo
Funcionalidade deve ser disponibilizada em breve para todos os usuários do Venmo. Foto: Venmo/Divulgação

Leia mais:

De olho nas tendências

O lançamento da funcionalidade chega em “boa hora”. Isso porque o bitcoin — considerado o melhor investimento do ano passado — segue acumulando recordes em 2021, fator que estimula ainda mais a valorização das criptomoedas em geral. E esse crescimento tem sido observado (e aproveitado) por corretoras, empresas e, naturalmente, investidores.

De acordo com uma pesquisa realizada em outubro de 2020, o Venmo constatou que mais de 30% de seus clientes compraram criptomoedas ou ações, especialmente durante a pandemia de coronavírus.

E como a valorização das moedas digitais parece estar longe de ser freada, o Crypto on Venmo deverá ser importante para estimular as transações com os ativos e, ao mesmo, acirrar a concorrência do setor de pagamentos nos Estados Unidos — que cada vez mais busca formas de integrar as criptomoedas em suas operações.

Embora o app do Venmo não esteja disponível para o Brasil, o anúncio traz um grande impacto ao mercado e indica um cenário, cada vez mais concreto, de convergência às moedas digitais.

Fonte: Reuters