A Poco anunciou nesta terça-feira (29) o lançamento no Brasil do Poco M3 Pro 5G, um smartphone intermediário que é o primeiro da empresa em nosso mercado pronto para se conectar à nova geração de redes móveis. 

O smartphone é um modelo Dual-SIM baseado no SoC (System on a Chip, Sistema em um Chip) MediaTek Dimensity 700, com uma CPU Octa-Core rodando a até 2,2 GHz e GPU ARM Mali-G57 MC2.

publicidade

O chip é acompanhado por 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento interno, que pode ser expandido com um cartão microSD, que compartilha um dos dois slots para SIM Cards.

Leia mais:

A tela LCD de 6,5 polegadas tem resolução de 1.080 x 2.400 pixels e taxa de atualização variável de 30 Hz a 90 HZ, ajustada automaticamente. Isso aumenta a fluidez dos movimentos da tela em jogos, por exemplo, mas reduz o consumo em conteúdo mais “parado”, como leitura ou visualização de fotos.

Na traseira há um conjunto de três câmeras: uma grande-angular com sensor de 48 MP e uma macro e outra para detecção de profundidade das cenas, ambas com sensor de 2 MP.

A câmera frontal tem um sensor de 8 MP. Tanto a câmera principal traseira quanto a frontal são capazes de gravar vídeo em resolução 1080p a 30 quadros por segundo.

Poco M3 Pro 5G. Imagem: Poco

Além do suporte a 5G, outro destaque do Poco M3 Pro 5G é a capacidade de bateria. São 5.000 mAh, o que segundo a Poco é carga para “dois dias”, com carregamento rápido e carregador de 22,5 Watts incluso na embalagem. A fabricante afirma que é possível chegar a 50% de carga após 43 minutos, ou dar uma carga completa na bateria em 109 minutos.

O Poco M3 Pro 5G chega ao Brasil nas cores Power Black (Preto) e Cool Blue (Azul). O preço sugerido pela fabricante é de R$ 2.999,99, mas apenas nesta terça-feira (29) ele estará disponível no site da Poco por R$ 2.399,99. 

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!