Não é muito exagero dizer que ninguém passou ileso aos jogos de celular nesta pandemia da Covid-19. E uma pesquisa chega para confirmar, pelo menos parcialmente, a constatação. De acordo com levantamento realizado pela plataforma de streaming de games e e-sports Nimo TV, pelo menos 63% dos brasileiros gastam dinheiro dentro dos títulos mobile.

O público confirmou que realiza compras dentro dos jogos, principalmente para melhorar a performance durante competições online. Há ainda uma parcela que realizou o gasto para customizar o estilo e roupas de avatares dentro dos games.

publicidade

Está procurando por jogos online grátis? Leia também a seleção que fizemos com os melhores!

Leia mais:

Ainda na pesquisa, a Nimo TV descobriu que 52% dos entrevistados possuem mais de dois jogos instalados em seus telefones. Os outros 48% tem no máximo dois games no aparelho. Além do smartphone, 43% dos jogadores também usam outras plataformas, como computador ou console. Outro dado mostra que 57% das pessoas prefere competir apenas pelo mobile.

“Este aspecto e comportamento, com certeza, foi evidenciado pela pandemia, pois, neste caso, o que conta não é apenas o desempenho do jogo de acordo com a velocidade de internet, mas também o lugar no qual o jogador se encontra, visto que o distanciamento social incentivou as pessoas a ficarem em casa”, destacou Rodrigo Russano Dias, Head de PR e Social Media na Nimo TV Brasil.

Imagem de um jovem jogando em um smartphone
Mais da metade dos entrevistados pela pesquisa tem mais de dois jogos no telefone. Imagem: Dean Drobot/Shutterstock

A pesquisa ouviu 2,7 mil usuários da plataforma no Brasil, entre os dias 21 e 22 de julho. O levantamento ainda abordou o tipo de conexão usada pelos jogadores na hora de competir online. A maioria esmagadora, 95%, usa a rede Wi-Fi para jogar. Os outros 5% usam redes 3G ou 4G.

Mais um dado com a maioria revelou que 81% das pessoas baixam apenas jogos gratuitos. Em outra pesquisa da plataforma, observou-se que 62% dos brasileiros jogam mais de duas horas por dia durante o distanciamento social. Houve ainda quem trocasse de celular para rodar os games, com 57% dos entrevistados mudando de smartphone para jogar games mais pesados e conseguir um melhor aproveitamento nas partidas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!