Se você ainda é usuário de dois consoles antigos, a Sony tem uma péssima notícia. A companhia decidiu encerrar os pagamentos com cartões de crédito ou débito ou outros métodos, como PayPal, na compra de conteúdo digital ou para adicionar valores às carteiras ao visitar a PlayStation Store no PS3 ou no PS Vita.

A informação foi publicada pela Sony no site britânico do PlayStation. A data limite para o uso das modalidades de pagamento é 27 de outubro. Depois, para adquirir itens para o console ou o sistema, o usuário precisa adicionar fundos suficientes à carteira.

publicidade

Leia mais:

Os jogadores podem usar os cartões de crédito ou débito, PayPal e cartões presentes para colocar o dinheiro na conta virtual. Há ainda a possibilidade de usar outros métodos de pagamento através do computador, celular ou em consoles mais novos, como o PlayStation 4 e o 5. Os cartões presentes e vouchers seguirão funcionando normalmente.

A Sony acrescentou uma série de perguntas e respostas ao comunicado, entre elas uma sobre como as compras dentro dos jogos ficam e como adquirir DLC em lojas dentro dos títulos. Estas transações continuam valendo. Os fundos na carteira são necessários para conteúdos presentes na PlayStation Store. Não dá para usar os métodos encerrados.

Sony PS Vita
O PS Vita teve entre 10 e 15 milhões de unidades vendidas desde seu lançamento em 2011. Imagem: Taner Muhlis Karaguzel/Shutterstock

Além de parar de aceitar os métodos de pagamento, a companhia anunciou que a partir do dia 19 de outubro, os jogadores não poderão mais comprar conteúdo, temas e avatares para o PlayStation 3, PSP e PS Vita nas lojas web e mobile. Dá para continuar apenas nos dispositivos. A lista de desejos também será descontinuada.

O anúncio do encerramento dos métodos de pagamento pelo console chega cerca de seis meses depois que a Sony desistiu de encerrar as lojas online do PlayStation 3, PSP e PS Vita. O comércio foi descontinuado apenas no PSP.

O PS3 foi o console mais bem sucedido entre esses. Lançado em 2006, ele parou de ser produzido apenas onze anos depois e chegou à marca de 87 milhões de unidades vendidas. O PSP também teve um ótimo desempenho. Lançado em 2005, o primeiro portátil da Sony vendeu 81 milhões de unidades.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!