Alguns dos melhores jogos no PlayStation 5 (PS5) até agora são títulos antigos renovados – então é apropriado que a Sony esteja oficialmente adquirindo o Bluepoint Games, o aclamado estúdio especializado em remasterização (remasters) e remakes. A equipe já é conhecida pelos jogadores por ter trazido nos trouxe novas versões de ‘Demon’s Souls’ e ‘Shadow of the Colossus’, bem como os ports fantásticos dos três primeiros títulos de ‘Uncharted‘, o clássico cult ‘Gravity Rush’ e muitos outros.

A compra pela Sony não é surpreendente, no entanto. A empresa vazou o negócio em junho, quando anunciou a aquisição de outra desenvolvedora, a Housemarque (‘Returnal‘), mas acidentalmente carregou uma imagem mostrando o logo da Bluepoint.

publicidade

“A Bluepoint consolidou seu nome com a criação de alguns dos remakes e remasterizações de mais alta qualidade da indústria. Com cada um dos seus projetos, a Bluepoint elevou o nível das imagens e da jogabilidade que definem o console, e a vasta experiência do estúdio na criação de cenários e personagens será uma enorme vantagem para as futuras propriedades”, afirmou o Presidente da PlayStation Studios, Hermen Hulst, em anúncio oficial.

Com a compra, talvez vejamos remasterizações e remakes com mais frequência com os recursos adicionais do PS5, mas o estúdio também afirma que criará os próprios jogos, de acordo com um comunicado da empresa ao site IGN.

“Nosso próximo projeto, estamos trabalhando no conteúdo original agora. Não podemos falar sobre o que é, mas esse é o próximo passo na evolução para nós”, disse Marco Thrush, presidente da Bluepoint. “A transição de remasterizações para remakes foi para nos testarmos e nos esforçarmos mais para essa próxima etapa”.

Leia mais:

Verdade seja dita: por mais que as compras grandes estúdios para a “família PlayStation” impressione, a Sony está sob pressão agora para mostrar que tem “conteúdo matador” para o PS5, já que todos os jogos originais que prometeu entregar em 2021 (exceto o grandiosíssimo ‘Ratchet & Clank’) foram adiados. ‘God of War: Ragnarok’, ‘Gran Turismo 7’ e ‘Horizon Forbidden West’ deveriam originalmente ser lançados ainda este ano, mas todos sofreram atrasos.

Vale ressaltar que além da Housemarque e da Bluepoint, o PlayStudio comprou também em 2021 a Firesprite, desenvolvedores do ‘The Playroom’, e a Nixxes, especializada em ports para PC.

Fontes: The Verge e IGN

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!