O Parlamento da Áustria aprovou nesta quinta-feira (20) por 137 votos a 33 a obrigatoriedade da vacina contra a Covid-19 para todas as pessoas maiores de 18 anos. Quem recusar a vacinação está sujeito a multas que podem chegar a 3,6 mil euros – aproximadamente R$ 22 mil.  

A Áustria é o primeiro país da União Europeia a adotar a obrigatoriedade para todos os adultos. A Itália, por exemplo, obriga a vacinação apenas de uma parte da população ou de setores profissionais específicos. A França aprovou recentemente o Passaporte da Vacina, que impede os não vacinados de frequentar espaços públicos, como restaurantes, teatros, cinemas e etc.

publicidade

Leia também!

Atualmente, a Áustria possui cerca de 74% da população vacinada com uma dose e aproximadamente 73,84% vacinados com duas doses, de acordo com o Our World in Data, organização ligada à Universidade de Oxford.  

Todos os partidos presentes no Parlamento austríaco apoiaram a decisão, com exceção da extrema-direita do país.  

A nova lei entra em vigor no dia 4 de fevereiro, porém, as autoridades austríacas só começarão a fazer as verificações para aplicação de multa a partir de 15 de março.  

Seringa com a vacina para a Covid-19
Áustria aprova obrigatoriedade da vacina contra Covid-19 para adultos. Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr

Segundo o Ministério da Saúde da Áustria, gestantes e pessoas que possuem comprovantes médicos impedindo a vacina contra a Covid-19 estão isentos das novas regras. Pessoas recém infectadas possuem 180 dias para regularizar sua situação vacinal, o tempo começa a contar a partir do primeiro diagnóstico positivo para a doença. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!