Quando você tem dificuldade para dormir, acordar ou ficar acordado durante o dia, muitas vezes é porque seu ciclo circadiano está desregulado. Ele é responsável por te dizer quando é hora de comer, dormir e acordar durante as 24h do dia.

Infelizmente, ao alterar seu relógio interno, você pode desenvolver complicações na sua saúde, como câncer, doenças cardíacas e fadiga.

Embora algumas tecnologias, como televisão e celular, tenham sido culpadas por piorar nosso ritmo, outras estão sendo criadas para remediar o problema – incluindo máscaras especiais, óculos e aplicativos. Conheça a seguir o que médicos desenvolveram ou indicam.

Leia também:

publicidade

Luz azul: amiga ou inimiga?

A luz azul é um comprimento de onda curto que estimula o corpo e fornece alta energia. Naturalmente, o sol é o principal gerador dessa luz. No entanto, também recebemos esse estímulo de iluminação fluorescente e telas de computadores e telefones.

Óculos com lentes laranjas ajudam a filtrar a luz azul
Óculos com lentes laranjas ajudam a filtrar a luz azul. Imagem: Microgen / Shutterstock

Quem não costuma sair de casa ou vive em um local com pouca iluminação natural, pode usar a tecnologia para compensar o ciclo circadiano, segundo Phyllis Zee, diretora do Centro de Medicina Circadiana e do Sono da Universidade Northwestern.

Ela recomenda a instalação de um sistema de iluminação inteligente capaz de criar uma aparência de luz azul natural durante o dia e, mais tarde, mudar de cor para um comprimento de onda mais longo para ajudar nossos corpos a se prepararem para dormir.

Uma alternativa a esses complexos sistemas, é usar lâmpadas RGB, que são mais baratas e produzem muitas cores.

Para Mariana Figueiro, diretora do Centro de Pesquisa em Luz e Saúde de Mount Sinai, em Nova Iorque, a estratégia noturna mais importante é desligar as luzes ou usar dimmers. No entanto, se você precisa trabalhar com telas à noite, ela recomenda o uso de óculos bloqueadores de luz azul, principalmente os de lentes laranjas, que funcionam melhor para este propósito.

Problema democrático

O desenvolvimento de tecnologias que emitem ou filtram a luz azul é uma preocupação de pesquisadores que trabalham com adolescentes e com idosos.

Levar o celular para a cama atrapalha o ciclo circadiano
Usar o celular na cama atrapalha o ciclo circadiano. Imagem: tommaso79 / Shutterstock

Nos mais jovens, Jamie Zeitzer, professor de Medicina do Sono na Universidade de Stanford, testou uma máscara de dormir que emite uma luz perceptível através das pálpebras para dificultar que a pessoa acorde antes do nascer do sol.

Já Figueiro estuda o uso de óculos especiais por idosos. O equipamento desenvolvido por ela banha os olhos com luz azul ou verde, o mesmo tipo de luz que recebemos do sol no amanhecer e no entardecer. A ideia é ajudar os mais velhos a regular o período de sono e de vigília.

Quem não quer comprar um gadget para ajudar a dormir, pode procurar aplicativos. Royan Kamyar criou o app Owaves para permitir que as pessoas planejem suas agendas diárias de acordo com seus ritmos circadianos. A ideia é que cada usuário tem um relógio biológico diferente que pode ser conhecido e aprimorado pelo aplicativo.

Via The Washington Post.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!