O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Alexandre de Moraes, convocou nesta sexta-feira (25), interessados e especialistas em tecnologia para participar dos testes das urnas eletrônicas. 

A iniciativa será realizada por meio do Teste Público de Segurança das Urnas e dos Sistemas de Votação e Apuração (TPS), para assegurar a confiança e segurança da tecnologia que será usada as eleições municipais de 2024.

Leia mais:

É a oportunidade para que os especialistas em tecnologia da informação, os chamados ‘hackers do bem’, possam testar as urnas e os sistemas eleitorais para verificar a segurança e identificar vulnerabilidades, para que possamos aprimorar a segurança das urnas

Alexandre de Moraes.
  • O edital do teste foi publicado na última quarta-feira (23) e convida a todos os interessados para participar e fortalecer o processo eleitoral e a democracia brasileira, segundo Moraes;
  • “O Teste Público contempla ações controladas com o objetivo de identificar vulnerabilidades e/ou falhas relacionadas à violação da integridade, ou do anonimato dos votos de uma eleição, além de apresentar as respectivas sugestões de melhoria”, diz o TSE;
  • As etapas do teste serão realizadas na sede do TSE em Brasília de 27 de novembro a 1º de dezembro e todas as pessoas interessadas podem participar, reforça o comunicado;
  • As inscrições para o teste podem ser feitas no site.

Durante o Seminário Internacional de Segurança Cibernética nas Cortes Superiores, o presidente do TSE também defendeu investimentos em segurança digital e tecnologia para prevenir, combater e responsabilizar ataques eletrônicos a sistemas e dados de instituições públicas.

publicidade

Temos um grande dever com o país de garantir uma segurança cibernética que permita a prevenção e, depois, com os dados colhidos dos ataques, consiga prender e punir os que tentaram invadir, como temos feito.

Alexandre de Moraes.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!