As obras do projeto de vila em formato de arranha-céu foi iniciado na cidade francesa de Issy-lès-Moulineaux, próxima a Paris. Ao todo, serão 190 apartamentos repletos de árvores e plantas em cada varanda ou terraço privado.

Como divulgou o New Atlas, o edifício, chamado de “La Serre”, é projetado pela empresa de arquitetura holandesa MVRDV e conta com a colaboração da arquiteta e paisagista Alice Tricon, e da desenvolvedora imobiliária francesa OGIC.

Leia mais:

(Imagem: Divulgação/ MVRDR)

Cerca de 30% dos apartamentos serão destinados para habitação social, ou seja, famílias de baixa renda. Além disso, o projeto terá espaços comerciais no andar térreo.

publicidade
(Imagem: Divulgação/ MVRDV)

Em seus 3.000 metros quadrados de espaço ao ar livre, a equipe tem a intenção de plantar cerca de 390 árvores em todo o edifício e ao seu redor. Na fachada, a ideia é plantar 150 espécies de plantas diferentes. No site do projeto, a MVRDV explica que toda a vegetação das zonas comuns ou varandas privadas serão cuidadas por um jardineiro dedicado à manutenção do edifício.

(Imagem: Divulgação/ MVRDV)

O projeto também contará com ecologistas que instalarão caixas de nidificação (caixas para que pássaros formem ninhos) e utilização de águas residuais recuperadas, que provavelmente serão usadas para a irrigação do local.

Com La Serre, trazemos a natureza para o coração da cidade. Esta comunidade verde e vertical abriga um verdadeiro ecossistema social e ecológico, graças à sua fachada animada. 

O La Serre demonstra como o biológico e o social podem ser promovidos simultaneamente na arquitetura, criando um verdadeiro habitat urbano em Issy-lès-Moulineaux. Ao aproveitar o bem-estar das pessoas e da natureza neste projeto, esperamos inspirar tipologias híbridas inovadoras e sustentáveis ​​semelhantes, tanto na região de Paris quanto em todo o mundo.

Winy Mass, sócio fundador da MVRDV.