O primeiro paciente humano a receber o chip cerebral da Neuralink já está conseguindo controlar o cursor de um mouse de computador usando seus pensamentos, conforme atualizou Elon Musk, CEO da startup, na segunda-feira (19). De acordo com o empresário, o progresso tem sido constante, e a empresa já planeja os próximos passos. 

O que você precisa saber: 

  • Conforme divulgado pela Reuters, Musk acrescentou que o paciente já está “totalmente recuperado”; 
  • O próximo passo é obter o máximo possível de cliques de botão do mouse pelo paciente; 
  • A empresa não forneceu mais detalhes sobre o progresso do experimento — por uma questão de confidencialidade, a Neuralink não forneceu informações sobre a condição do paciente que recebeu o primeiro implante cerebral.  

Leia mais! 

O progresso é bom e o paciente parece ter se recuperado totalmente, com efeitos neurais dos quais temos conhecimento. O paciente é capaz de mover o mouse pela tela apenas pensando. 

Elon Musk em um evento do Spaces, no X.

A Neuralink fez seu primeiro implante cerebral em um humano no fim de janeiro. O objetivo do dispositivo é ajudar pessoas com algum tipo de paralisia, como a tetraplegia. 

publicidade

Chamado de Telepathy (Telepatia), ele é instalado por um robô em uma região do cérebro que controla a intenção de movimento, permitindo que humanos consigam controlar eletrônicos, como computadores e celulares, apenas com o pensamento. 

Além de estar analisando o desenvolvimento de capacidades do paciente, a Neuralink também visa avaliar a segurança do implante e do robô que fez o procedimento cirúrgico — o objetivo é estudar três pontos principais: o implante, o robô R1 e o N1 User App (software que se conecta ao N1 e traduz sinais cerebrais em ações de computador). Entenda sobre o chip aqui

Ao Olhar Digital, o Dr. Álvaro Machado Dias, também colunista do Olhar Digital News, falou sobre a importância do feito da empresa, e o que está por vir. Confira em detalhes