Microsoft Teams agora permite que aplicativos se integrem às reuniões

Apps também poderão exibir conteúdo e notificações durante videochamadas; a empresa também está lançando um novo modo que transforma colegas de trabalho em avatares virtuais

Da Redação, editado por Fabiana Rolfini 24/07/2020 09h08
Microsoft Teams logo
A A A
Anteriormente, se você queria compartilhar um aplicativo ou algo mais do que uma webcam no Microsoft Teams, a única opção disponível era o compartilhamento de tela, o que nem sempre é ideal se deseja mostrar apenas um aplicativo ou evitar notificações. Agora, a Microsoft passou a permitir que desenvolvedores de apps de terceiros se integrem à experiência de reunião na plataforma, pela primeira vez. 
 
“Os aplicativos agora podem se estender por bate-papo e colaboração e facilmente têm um fluxo de trabalho que se expande para as reuniões”, explicou em entrevista ao The Verge, Michal Lesiczka, gerente de produtos do Microsoft Teams.
 

during_meeting_1.webp


Integração é feita na barra lateral da reunião do Microsoft Teams. Imagem: Divulgação/Microsoft

 
 
Os novos recursos focados no desenvolvedor permitirão que os aplicativos se integrem às reuniões do Teams durante as videochamadas, exibam conteúdo e até notificações. Além disso, também poderão adicionar uma guia aos convites para reuniões, onde os usuários do Teams podem interagir antes de começar uma reunião.
 
Outra possibilidade será puxar os aplicativos para a chamada ao vivo. A integração também inclui a capacidade dos programas aparecerem como um botão na barra de controles da reunião.
 

'Modo juntos' 

 
Esse momento de pandemia tem sido a força motriz por trás dos novos recursos do Microsoft Teams nos últimos meses, elevando o serviço para 75 milhões de usuários ativos diariamente. E além dessa nova integração, a Microsoft também está lançando um novo "Modo Juntos" que transforma colegas de trabalho em avatares virtuais para melhor identificação nas reuniões.
 
A empresa está se movendo incrivelmente rápido para acompanhar a concorrência e, em muitas áreas, combina várias funcionalidades diferentes em um único aplicativo.
 
O "Modo Juntos", combinado com aplicativos de terceiros em reuniões, pode levar a um futuro interessante para as equipes da Microsoft na era do trabalho remoto.
 
A empresa não está sozinha em experimentar como o trabalho e as reuniões remotas funcionarão em cenários pós-pandêmicos. O Facebook também lançou recentemente sua própria visão de trabalho remoto usando realidade virtual e aumentada, e o Google está integrando suas diferentes plataformas de comunicação Chat, Rooms e Meet ao Gmail, em um esforço para competir com o Microsoft Teams e o Slack .

 

Via: The Verge



Microsoft Google Gmail Facebook Microsoft Teams Slack
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você