EnglishPortugueseSpanish
publicidade

Tuíte espacial? Quase isso. Nesta terça-feira (22) o CEO da SpaceX, Elon Musk, utilizou a internet provinda da constelação de satélites Starlink, já em órbita, para enviar um simples tuíte:

Starlink é um projeto ambicioso da SpaceX, que busca lançar e operar sua própria rede de satélites de banda larga. A ideia é fornecer conexão de internet em nível mundial, inclusive em áreas que não possuíam acesso à internet de alta velocidade.

publicidade

Este mês, a SpaceX anunciou que pretende colocar mais 30 mil satélites Starlink em órbita, muito mais do que os 12 mil satélites previstos anteriormente. A companhia afirma que está fazendo os preparativos necessários para atender a uma demanda muito alta e por este motivo, está analisando e o tamanho da rede que pequenos satélites têm, estudando se existe potencial para crescer e atender as demandas.

Em 2019, a Spacex enviou seus primeiros 60 satélites operacionais, depois do lançamento de protótipos no ano passado. Os satélites trabalharão em conjunto com as estações terrestres, que recebem e convertem o sinal. Além disso, de acordo com Musk, os satélites têm aproximadamente o tamanho de uma pizza.

Via: TechCrunch