Perto de completar 75 anos de idade, o diretor Steven Spielberg tem um novo projeto bastante pessoal a caminho: seu próximo filme será baseado na própria infância. Ele vai escrever o roteiro junto a Tony Kushner, que já foi indicado ao Oscar por ‘Munique’ e ‘Lincoln’, com lançamento previsto para 2022.

Com o remake de ‘Amor, Sublime Amor’ (West Side Story) pronto e com estreia marcada para esse ano de 2021, o cineasta tomou a decisão de fazer o novo filme. O projeto ainda sem nome marca também a volta de Spielberg a um trabalho dirigido e roteirizado por ele. A última vez que isso aconteceu foi em ‘A.I.: Inteligência Artificial’, de 2001.

publicidade

A nova empreitada ainda não teve o período de tempo divulgado, mas pode contar o fim dos anos 1950 e começo dos anos 1960, quando o diretor fazia filmes de 8mm no quintal de sua casa, em Phoenix, Arizona. Foi em 1958 que ele fez o primeiro filme, um acidente de trem com seus brinquedos.

Spielberg nasceu em Ohio e também morou na Califórnia. Um dos temas a serem abordados deve ser o antissemitismo enfrentado por ele quando ainda morava na capital do Arizona. Espera-se ainda que a película mostre a relação do diretor com os pais, divorciados depois da mudança para a Califórnia, quando Spielberg estava no ensino médio.

Michelle Williams (Manchester à Beira-Mar) negocia o papel baseado na mãe de Spielberg. Imagem: Universal Pictures/Divulgação
Michelle Williams (Manchester à Beira-Mar) negocia o papel baseado na mãe de Spielberg. Imagem: Universal Pictures/Divulgação

A atriz Michelle Williams, de ‘Manchester à Beira-mar’ e ‘Venom’, é cotada para o papel baseado na pianista Leah Posner Spielberg Adler, mãe de Spielberg, que faleceu em 2017. O pai do diretor, Arnold Spielberg, morreu em agosto de 2020, aos 103 anos.

Agora, o diretor busca escalar o restante do elenco. Ele precisa de crianças em diferentes idades, sendo uma delas para interpretá-lo. As filmagens da produção devem começar em julho desse ano.

Via: Collider / Slash Film / Screen Rant