Entre os itens a serem enviados na próxima missão de reabastecimento da SpaceX para a Estação Espacial Internacional (ISS) está um braço robótico dará aos astronautas que trabalham a bordo do posto avançado orbital uma mãozinha (mecânica).

Verificações finais do modelo de voo GITAI S1 para a investigação de demonstração técnica do braço robótico. Imagem: GITAI Japan Inc.

Construído pela startup de robótica espacial GITAI, o braço robótico tem como objetivo demonstrar como a tecnologia se sai na microgravidade. Dependendo do sucesso da missão de demonstração, a empresa espera poder, eventualmente, testar sua robótica na dureza do espaço sideral também, potencialmente estabelecendo as bases para caminhadas espaciais assistidas por robôs e outras atividades extra-veiculares.

publicidade

Leia mais:

Braço robótico será levado pelo SpaceX Dragon na semana que vem

De acordo com o site Futurism, a GITAI vê isso como um marco para a área de robótica. “Essa demonstração de tecnologia é para mostrar ao mundo que os recursos necessários para a automação no espaço estão finalmente disponíveis”, disse o diretor técnico da GITAI, Toyotaka Kozuki, em um comunicado da Nasa. 

“Ele fornece uma fonte de trabalho mais barata e segura no espaço, abrindo a porta para a verdadeira comercialização do espaço”, explica Kozuki.

Por enquanto, o GITAI S1 Robotic Arm Tech Demo, que será conduzido à ISS a bordo de uma cápsula Dragon na próxima semana, testará várias tarefas básicas, incluindo acionar interruptores, pressionar botões e conectar ou desconectar cabos.

Os movimentos serão cuidadosamente operados remotamente e supervisionados por equipes aqui da Terra. Afinal, a última coisa de que a tripulação da ISS precisa é de um braço de robô enlouquecido e arrancando cabos sozinho.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!