O Twitter está adicionando mais uma forma de monetização na plataforma, o Super Follow, que permite os usuários cobrarem por tweets exclusivos. Por enquanto, o modelo ainda está em testes, sendo disponibilizado para algumas contas selecionadas no iOS.

O formato segue a premissa de outros sistemas de assinatura, com pagamento mensal em troca de conteúdos exclusivos para quem estiver assinando. Os criadores podem definir seus tweets para serem enviados apenas para Super Follow, e os tweets aparecerão nas linhas do tempo apenas desses assinantes no Twitter.

publicidade
Twitter Super Follow
Imagem: Divulgação Twitter

Super Follow do Twitter

Os assinantes são identificados para os criadores por um emblema que aparece sob seu nome quando eles respondem aos tweets. No momento existem três opções de valores, que podem ser selecionados pelo criadores, de US$ 2,99, US$ 4,99 ou US$ 9,99 por mês.

Leia mais:

Por enquanto, os criadores ficam com 97% do valor arrecadado, com o resto sendo a taxa na plataforma. No entanto, após os ganhos totais de todas as formas de monetização da rede social ultrapassarem US$ 50.000, esse usuário vai passar a ter direito a apenas 80% do valor.

Pessoas que não têm o recurso Super Follow podem se inscrever em uma lista de espera na guia de monetização no aplicativo do Twitter, mas para isso é preciso estar nos Estados Unidos ou Canadá, além de ter pelo menos 18 anos, 1 mil seguidores e ter tweetado 25 vezes nos últimos 30 dias.

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!