Novo (talvez o primeiro) sucesso da Amazon na indústria, ‘New World‘ tem feito tanto sucesso com os fãs que já estabeleceu grandes e preocupantes recordes na Steam, o que trouxe algumas consequências. Depois de atingir um pico de 913 mil jogadores simultaneamente, o game passou a impedir a criação de novos personagens por conta dos servidores cheios.

A medida tem o objetivo de tornar menos intenso os longos tempos de espera para entrar no jogo – que em muitos casos se prolongam por várias horas, especialmente nos servidores mais populares. Para ajudar a gerenciar a carga massiva de jogadores, o Amazon Game Studios já deu alguns passos, incluindo recentemente começar a criar novos servidores e, ao mesmo tempo, trabalhar em um recurso de transferência.

A ação permitirá aos jogadores mover os personagens para outro servidor gratuitamente por um tempo limitado. Às 8h15 desta segunda-feira (4), o Olhar Digital confirmou que há vários mundos ainda com muitos lugares vagos, sem qualquer tempo de espera para entrar.

New World
‘New World’ impede jogadores de criar personagens em servidores cheios. Imagem: Amazon Games/Divulgação

E a Amazon Game Studios está indo um passo além. No último sábado (2), a desenvolvedora anunciou que ‘New World’ não permitirá mais criar personagens em servidores que já estão lotados. Ou seja, servers que estiverem cheios agora aparecerão acinzentados na tela de escolha, evitando que os jogadores os selecionem acidentalmente.

publicidade

Vale ressaltar que o problema em questão só afeta as tentativas de criar novos personagens, de acordo com a Amazon. Do jeito que está, 28 servidores têm o status ‘full‘, porém isso muda regularmente. Para ajudar os jogadores a ter uma melhor noção da situação, a empresa criou uma página de status (clique aqui) que mostra todos os servidores do jogo nas várias regiões, assim como se estão online, offline, em manutenção e/ou cheios.

Leia mais:

‘New World’ tornou-se no primeiro grande sucesso da Amazon Games Studios, depois de vários projetos falhados e excessivos adiamentos. Até Jeff Bezos já fez questão de elogiar a equipe do jogo.

O título estava previsto para chegar aos jogadores de PC no final de agosto, porém foi (novamente) adiado. De acordo com a Amazon Games, a decisão foi tomada a partir do feedback obtido com os players durante o período de beta fechado – teste, este, que contou com cerca de 200 mil participantes.

game da Amazon é um RPG online nos moldes de ‘World of Warcraft’ e ‘The Elder Scrolls Online’, em que os jogadores entram em um mundo de fantasia recém-descoberto. Ao invés das aventuras do gênero típicas ambientadas em mundos medievais, o título tem como destaque a ambientação um pouco mais avançada, inspirada na era das Grandes Navegações. O Olhar Digital teve acesso antecipado ao jogo, inclusive – confira o que achamos aqui!

Fonte: VG247

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!