O Google nos últimos anos passou a investir mais em veículos jornalísticos e na distribuição de notícias. Esse movimento faz parte de uma estratégia da empresa para se tornar a principal fonte de informação.

De acordo com um artigo do The Next Web, a gigante quer ocupar uma parte do espaço que hoje pertence ao Twitter. A rede social começou a adotar um tom cada vez mais noticioso nos últimos anos e hoje é o primeiro lugar que muita gente se informa.

publicidade

No entanto, se depender do Google, os usuários vão começar a ver as notícias no Google News. O aplicativo já existe há algum tempo, mas passou a receber mais investimento e destaque em 2020, quando a empresa começou a financiar veículos jornalísticos em algumas partes do mundo (incluindo o Brasil) para que coloquem seu conteúdo no app.

Google no Android (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)
Google no Android (Imagem: André Fogaça/Olhar Digital)

Mais notícias no Google

As mudanças também devem passar pelas pesquisas. Hoje, ao buscar o nome de uma pessoa ou tema no Google, alguns tweets também podem aparecer. A intenção da empresa é reduzir a exibição desse tipo de conteúdo e focar em informações verificadas.

Leia mais:

Agora, o Google pretende aumentar recursos de tempo real de notícias no Google News. O Twitter se tornou um hub de notícias devido a facilidade com que a rede consegue destacar os termos em alta com as hashtags e com as atualizações do Feed.

Por enquanto, a versão aprimorada do Google Notícias, com o financiamento de veículos, segue em países selecionados como Austrália, Alemanha e o Brasil. A empresa diz que deve expandir em breve os locais com o serviço.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!