A Juiced Bikes, uma empresa americana de bicicletas elétricas localizada em San Diego, no estado da Califórnia, está apresentando a RipRacer, uma e-bike com pneus muito grossos e Apple AirTag integrada. Compacta, essa magrela de “tamanho divertido” (como diz a Juiced), busca ser a opção ideal para uma faixa de pilotos mais jovens, inclusive adolescentes mais jovens (“tweens”), em um preço acessível.

três e-bikes da Juiced
Imagem: Divulgação/Juiced Bikes

Pesando 30 kg e com quadro e guidão baixos, as duas versões da RipRacer são voltadas para pessoas com altura entre 1,52 a 1,90 metros, que pesem até 120 kg. Os grossos pneus de 20 polegadas da e-bike focam no melhor desempenho tanto para pistas na estrada e trilhas off-road.

publicidade

Sensor de cadência e Apple AirTag

Os dois modelos (Classe 2 e Classe 3) da RipRacer trazem um motor do cubo da engrenagem de 750 W, além de pedais com sensores de cadência (que fornecem potência para a bibicleta com base na velocidade da pedalada), luzes dianteiras e traseiras e freios hidráulicos a disco.

Detalhe do pedal da e-bike
Imagem: Divulgação/Juiced Bikes

A etiqueta Apple AirTag fica alocada em um compartimento especialmente projetado na caixa da bateria. Ela fica encarregada de ajudar o ciclista a localizar sua e-bike em caso de perda ou até mesmo de roubo.

Dotada de proteção à água (IP65), a bateria da RipRacer é de fácil manuseio para remoção, sendo compatível com uma estação de encaixe que a Juiced planeja lançar em 2022. Segundo a empresa, essa estação terá um inversor para alimentação CA de até 500 W, seis portas USB, uma porta 12 volts mais leve e uma luz LED.

Esse dock poderá carregar a bateria com alimentação CA ou solar. Além disso, permitirá que outros componentes eletrônicos sejam alimentados pela bateria, funcionando de maneira semelhante a um gerador ou bateria de reserva portátil.

Detalhe da bateria da bicicleta elétrica RipRacer
Imagem: Divulgação/Juiced Bikes

As duas versões da RipRacer

Sobre as duas versões da RipRacer, a Classe 2 possui velocidade máxima de 32 km/h e alcance de 56 km, com uma bateria de 52 V e 10 Ah. Nesse modelo, há um controlador 20 A que puxará cerca de 1.040 watts de pico.

Já a Classe 3 oferece velocidade máxima de até 45 km/h, com alcance de 88 km. Sua bateria é maior, de 52 V e 15,6 Ah. O controlador dessa versão é de 25 A, com um pouco mais de 1.300 watts de pico.

duas pessoas montadas em suas bicicletas elétricas
Imagem: Divulgação/Juiced Bikes

No site da empresa, é informado que os interessados já ​​podem reservar e-bikes RipRacer, por meio de um cadastro de e-mail. As bicicletas elétricas da Juiced, com seus pneus grossos e etiquetas AirTag serão enviadas a partir de março de 2022, com opção de cores Baja Blue, Noir, Hi-Viz Yellow e Mystic Green.

Os preços começam em US$ 1.399 para a e-bike Classe 2 e em US$ 1.599 para a RipRacer Classe 3. Nos EUA, as bicicletas elétricas custam normalmente entre US$ 1 mil e US$ 8 mil, ou seja, a nova e-bike da Juiced está na base dessa faixa. Respectivamente, em nossa moeda os valores das versões da RipRacer são algo em torno de R$ 7.687 e R$ 8.786, desconsiderando diferenças de impostos ou taxas.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.