A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) soltou um alerta na quarta-feira (10) informando que os países da América correm risco de sofrerem novos surtos de doenças já controladas por conta da falta de vacinação de rotina em algumas regiões.

Devido à pandemia da Covid-19, muitas campanhas de vacinação deixaram de ser realizadas ou não tiveram a cobertura necessária, como acontecia em outros anos. De acordo com o órgão, varíola, poliomielite, rubéola, sarampo e tétano, doenças previamente controladas pela vacinação, correm o risco de retornar devido a uma “redução significativa” da cobertura vacinal.

publicidade

Segundo Carissa Etienne, diretora da Opas: “A menos que melhoremos nossos programas de vacinação de rotina, a região corre um alto risco de surtos novos e reemergentes de doenças evitáveis. A região enfrenta uma crise iminente em torno da vacinação de rotina”.

Risco de surtos de doenças controladas

“A região está enfrentando uma crise iminente em torno da vacinação de rotina e uma atenção contínua deve ser dada como prioridade para sustentar e fortalecer a imunização e outros programas essenciais de saúde”, completou ainda a diretora.

Leia mais:

“A atual pandemia de covid-19 colocou uma pressão adicional no programa nacional de vacinação, mas também nos sistemas de saúde, ao mesmo tempo que desviou recursos consideráveis à operação de resposta emergencial”, finalizou Etienne.

Recentemente, o estado do Rio de Janeiro alertou que a vacinação contra poliomielite caiu cerca de 30% nos últimos cinco anos. Apenas cerca de 49% dos bebês do estado foram imunizados, o que preocupa as autoridades com um possível retorno dessa e de outras doenças já erradicadas e que tiveram surtos anteriores.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!