Um compilado de vídeos de bate-papos ao vivo entre astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS) e alunos do sistema educacional dos EUA destaca nove momentos especiais vividos pela tripulação em 2021.

Muita coisa acontece a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS), e a Nasa selecionou nove situações marcantes destacadas pela tripulação. Imagem: NASA

Entre suas atribuições, os astronautas da agência espacial norte-americana participam de “downlinks” educacionais, respondendo às perguntas dos estudantes sobre temas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM). 

publicidade

9) Cambalhota tripla em gravidade zero

“Pela primeira vez, vou tentar um triplo, então aqui vamos nós”, disse Mark Vande Hei, antes de realizar três cambalhotas seguidas. Atualmente membro da tripulação da Expedição 66, Vande Hei deverá passar quase um ano inteiro – 353 dias – no laboratório orbital.

Mark Vande Hei dando uma cambalhota tripla na ISS. Imagem: NASA STEM

8) Luta espacial

Em seguida, atendendo ao pedido de uma garotinha chamada Rachel, que aparenta ter entre quatro e cinco anos, Shannon Walker, da Nasa, e Soichi Noguchi, da Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA), fizeram uma demonstração de luta. Para saber quem venceu, só assistindo ao vídeo, mais precisamente aos 50 segundos.

7) Presente para uma criança no espaço

Outro momento que mereceu destaque entre os downlinks realizados entre a tripulação da ISS e estudantes foi quando Vande Hei respondeu o que daria de presente a uma criança que fosse crescer no espaço.

Ele respondeu que daria uma bengala, para que a criança conseguisse se manter em pé e se movimentar melhor dentro do laboratório orbital.

6) De um jardineiro para outro

Em sexto lugar está Victor Glover, também da Nasa, que respondeu o que ele imagina para o futuro da jardinagem na Lua ou em Marte. “Eu acho que é muito importante que nós saibamos como manter um jardim, ou jardins, na Lua ou em Marte. Acho que a Nasa está muito interessada em assegurar que possamos fazer isso quando a hora chegar”.

Leia mais:

5) Astronautas comparam cheiro do espaço a… hambúrguer!

Em quinto lugar vem a resposta de Shane Kimbrough e Megan McArthur a uma garotinha que perguntou com que se parece o cheiro do espaço. “Não sei dizer, mas é algo metálico”, diz Kimbrough, completando: “Ou, como disse Megan, cheira a hambúrguer. Ou, talvez estejamos com muita fome”.

4) Demonstração de refeição no espaço

Kimbrough e McArthur também estão no destaque de número quatro, junto com o astronauta da ESA Thomas Pesquet. Questionados por um estudante adolescente sobre que tipo de carne se come no espaço, eles fizeram uma pequena demonstração.

“Este é um exemplo de carne desidratada”, disse McArthur, segurando um pacote. “Realmente tem um gosto parecido com hambúrguer, mas, como está desidratado, temos que acrescentar um pouco de água antes de comer”.

Depois, segurando outro pacote, ela explica: “Este é um steak que está irradiado para ficar estável, então, não é tão bom quanto os bifes que você pode fazer em casa. Mas, gostamos também”.

3) Como ficam os cabelos no espaço?

No número 3, as tripulantes da Expedição 64 Shanon Walker e Kate Rubins compartilham dicas de cuidados com os cabelos. “Seu cabelo ficaria muito divertido aqui, com certeza”, disse Walker. A cena pode ser conferida nos 3min02s do vídeo.

2) Chove diamantes em Júpiter?

Em segundo lugar, vem a resposta de Vande Hei, ao lado de Pesquet, sobre o clima em Júpiter. Questionado por um menino de aparentemente 12 anos se é verdade que chove diamantes do gigante gasoso, ele explicou o que, na verdade, ocorre. “Quando acontece um raio em Júpiter, o metano se transforma em carbono, e esses pedaços de carbono que caem na superfície viram primeiro grafite e, depois, diamantes de até 1 cm de diâmetro”, revelou.

1) O espaço é divertido!

Para o primeiro lugar, a Nasa selecionou a resposta a um questionamento feito por uma pequena estudante com deficiência auditiva, que se comunicou com os astronautas pela linguagem americana de sinais (ASL). “É divertido no espaço?”, quis saber a garotinha.

A resposta, é claro, também veio acompanhada de uma tradução simultânea em ASL. Ao lado de Shane Kimbrough, Thomas Pesquet revela que, sim, é muito divertido. “Nós podemos flutuar, ficar de cabeça para baixo, alguns membros fazem piadas enquanto falamos, vemos muitas bolas voando ao nosso redor [surgem bolas esportivas flutuando na tela], então há muitas coisas que você pode fazer aqui. E nós trabalhamos muito também, mas gostamos de, às vezes, nos divertir”.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!