Em uma reunião virtual com investidores ontem, o CEO Tim Cook disse que a Apple tem agora 1,8 bilhão de aparelhos ativos no mundo todo. Esse é um crescimento de 150 milhões de aparelhos para 2021, impulsionado principalmente por um pico de vendas do iPhone nas festas de final de ano.

Falando na temporada de festas, a Apple teve mais lucro que nunca no último trimestre de 2021, o que já era previsto. Apenas em vendas do iPhone, a companhia obteve um lucro impressionante de US$71,63 bilhões. Considerando os outros produtos, a Apple teve um lucro trimestral recorde, contabilizando US$123,9 bilhões em receita e US$34,6 bilhões em lucros.

publicidade

Voltando ao crescimento de aparelhos ativos, a Apple vendeu seu bilionésimo iPhone em 2016, e atingiu a marca de 900 milhões de usuários ativos do smartphone em 2019. Em 2020, o número de dispositivos ativos da marca era de 1,5 bilhão, subindo para 1,65 bilhão em 2021. Para chegar a esses números, a Apple considera os vários aparelhos que usaram os serviços online da companhia nos últimos 90 dias. 

Leia mais:

Para comparação, o Google registrou mais 3 bilhões de aparelhos Android ativos ano passado com base em acessos Play Store. Contabilizando dispositivos com Android que usam lojas de app alternativas, o número deve ser bem maior. Já a Microsoft divulgou que tem 1,4 bilhão de dispositivos ativos com Windows 10 e Windows 11 (vale apontar que a companhia considera o Xbox One e o Xbox Series X/S como aparelhos Windows 10).

Fonte: The Verge

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!