O novo programa de gráficos 3D da Volvo usará visualização fotorrealista em tempo real dentro dos carros baseada no motor de jogo Unreal Engine, desenvolvido pela Epic Games e que já está em sua quinta geração. Essa implementação, conforme traz a montadora sueca, deve oferecer experiências mais imersivas para as pessoas dentro dos veículos durante as viagens, beneficiando a segurança ao mesmo tempo.

O Unreal Engine é a principal ferramenta da Epic Games para a criação de gráficos 3D realistas, exibidos pela primeira vez no jogo de tiro em primeira pessoa Unreal, de 1998. Ao longo do tempo, a tecnologia foi usada em uma variedade de gêneros de jogos, sendo também adotada por outras indústrias – principalmente a cinematográfica e televisiva.

publicidade
Parte interna de um veículo com o Unreal Engine
Imagem: Divulgação/Volvo Cars

Inicialmente, o Unreal Engine vai se concentrar em uma das telas dentro da cabine, denominada Driver Information Module (DIM), que fornece ao motorista informações relevantes e recursos de infoentretenimento. Tudo baseado em Interface Homem-Máquina (IHM) que, em outras palavras, significa a forma como os proprietários dos carros interagem com o software do seu veículo.

Ilustração de uma tela dentro de um carro da Volvo baseada no motor de jogo da Epic Games
Imagem: Divulgação/Volvo Cars

Essa parceria entre Volvo e Epic Games resultará em renderizações daquilo que os sensores externos do veículo (como câmera, radar e, em breve, LiDAR) estão “vendo” do lado de fora. Outras informações, como navegação e duração da bateria, bem como a apresentação dessas informações, a partir de luz, cor e gráficos em movimento, serão aprimoradas.

publicidade

Videogame no carro

Com seus gráficos de alta resolução, a empresa também quer explorar novas fronteiras para entreter os passageiros. “Essa tecnologia nos dá a capacidade de criar visuais responsivos e de alta qualidade com os quais podemos brincar e colocar informações, criar representações realistas quando necessário, todo esse tipo de coisa”, disse Thomas Stovicek, chefe de experiência do usuário da Volvo.

Tela com mapeamento para o motorista de um carro Volvo
Imagem: Divulgação/Volvo Cars

Dentre sua composição, o Unreal Engine oferece o poder de computação de alto desempenho das plataformas Snapdragon Cockpit de terceira geração, desenvolvidas pela Qualcomm. Como resultado, o sistema de infoentretenimento da próxima geração da Volvo “será duas vezes mais rápido que seu antecessor, enquanto a geração de gráficos e o processamento dentro da cabine serão até dez vezes mais rápidos”, diz a montadora.

publicidade

O primeiro carro a conter os novos gráficos é o novo modelo carro-chefe totalmente elétrico que a Volvo vai revelar ainda este ano. No futuro, a empresa vê oportunidades adicionais para o motor de jogo da Epic Games avançar em outras áreas de tecnologia dentro de seus novos veículos.

Leia também:

publicidade

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!