Na noite do último sábado (25), o observatório SONEAR, especializado em estudar asteroides e cometas, capturou imagens do telescópio espacial James Webb e do seu booster voando em direção ao ponto de Lagrange (L2).

De acordo com o engenheiro, físico e astrônomo amador Cristóvão Jacques, sócio fundador do Observatório SONEAR e do canal Astro NEOS no YouTube, a captura das imagens foi feita por um telescópio 280mm F2.2 e analisadas por meio de um software que costuma ser utilizado para identificar asteroides.

publicidade
Astrônomo amador Cristóvão Jacques divulga imagens do telescópio James Webb captadas pelo observatório SONEAR. Imagem: Observatório SONEAR

SONEAR é a sigla, em inglês, de “Observatório Austral para Pesquisa de Asteroides Próximos à Terra”. Foi criado em Oliveira (MG) por Cristóvão Jacques e João Ribeiro, dois astrônomos amadores, que, posteriormente, convidaram o advogado Eduardo Pimentel, também entusiasta da astronomia, para compor o time.

Jacques conta que foram obtidas 30 imagens de 10 segundos cada, cerca de 12 horas após o lançamento – momentos antes da manobra de ajuste de trajetória feita pelo telescópio espacial.

Conforme mostra a tela de seu computador, compartilhada no vídeo abaixo, Jacques demonstra onde está James Webb e indica também a localização do booster, último estágio a se desprender do telescópio depois do lançamento.

“O booster está na mesma direção e em uma velocidade um pouco mais baixa do que a do telescópio James Webb”, explica o astrônomo amador, revelando que enquanto o booster está voando a 6.57 segundos de arco por minuto (7.465 km/h) na direção 90.2,  James Webb está a 7.48 segundos de arco por minuto (8.500 km/h) na direção 88.9.

Posteriormente, Jacques mostra uma imagem mais ampliada, colocando os dois objetos no mesmo enquadramento para que o espectador consiga enxergá-los simultaneamente.

Leia mais:

Astrônomo amador ensina como ver telescópio James Webb no espaço

Em um vídeo anterior, uma transmissão ao vivo feita três dias antes do lançamento, Cristóvão Jacques ensina aos entusiastas como localizar James Webb no espaço a partir de um observatório terrestre. Ele compartilha um link da Nasa para configurar as efemérides do telescópio espacial.

Neste domingo (26), Jacques fará uma nova transmissão ao vivo em seu canal às 21h30 (horário de Brasília) para mostrar capturas tanto de James Webb quanto do Cometa Leonard – mas tudo vai depender do clima, portanto a live ainda não está confirmada.

“Com o tempo, as capturas do telescópio James Webb vão diminuindo de intensidade, mas seu escudo protetor deve aumentar o brilho, por causa do reflexo do Sol nele”, explicou Jacques em entrevista ao Olhar Digital.

O tão aguardado lançamento do telescópio James Webb repercutiu na mídia nacional, internacional e, claro, também nas redes sociais. Confira aqui alguns “memes” compartilhados por usuários do Twitter, abordando, principalmente, a questão da data ter coincidido com o Natal.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!