No mês passado, o helicóptero Ingenuity fez seu 25º voo em Marte, durante o qual foram batidos dois recordes: o de maior distância e o de maior velocidade. E a NASA acaba de divulgar imagens desse feito histórico capturadas pela câmera de navegação do equipamento.

Na ocasião, o drone de 1,8 kg que está prestes a realizar seu 29º voo, cobriu uma distância de 704 metros a 5,5 metros por segundo.

publicidade
O helicóptero Ingenuity está prestes a fazer seu 29º voo em Marte. Imagem: fukume – Shutterstock

“Para o nosso voo recorde, a câmera de navegação do Ingenuity nos proporcionou uma sensação de tirar o fôlego do que seria deslizar 10 metros acima da superfície de Marte a 19 km/h”, disse Teddy Tzanetos, líder da equipe do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) da NASA.

No vídeo, que tem originalmente 161,3 segundos e foi acelerado aproximadamente cinco vezes, sendo reduzido para menos de 30 segundos, vemos o trajeto feito pelo helicóptero rumo a sudoeste, depois de atingir 10 metros de altitude em menos de três segundos.

Primeiro, ele sobrevoa um trecho ondulado de areia, em seguida, passa sobre vários campos de rochas. Finalmente, um terreno relativamente plano aparece no vídeo, representando um bom local para pouso. 

Leia mais:

Voos do helicóptero Ingenuity em Marte são autônomos

De acordo com o site Phys, a câmera de navegação foi programada para desativar sempre que o drone estiver a menos de um metro da superfície marciana, o que ajuda a garantir que nenhuma poeira levantada durante a decolagem e o pouso possa interferir no sistema de navegação.

Os voos do Ingenuity são autônomos. “Pilotos” os planejam no JPL e enviam comandos para o rover Perseverance, que então retransmite as informações para o helicóptero. Durante um voo, os sensores a bordo (a câmera de navegação, uma unidade de medição inercial e um localizador de alcance a laser) fornecem dados em tempo real para o processador de navegação e o computador de voo principal do drone. 

No início deste mês, os controladores da missão perderam a comunicação com o Ingenuity, depois que o helicóptero entrou em um estado de baixa potência devido a uma combinação de altos níveis de poeira na atmosfera e baixas temperaturas locais. 

Embora o helicóptero continue lutando contra a poeira, as mudanças sazonais e as condições ambientais não previstas em seu plano original de missão, agora que o contato foi restabelecido, e o Ingenuity está recebendo energia adequada de sua matriz solar para carregar suas seis baterias de íons de lítio, a equipe está ansiosa para seu próximo voo em Marte.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!