Nesta segunda-feira (19), os Emirados Árabes Unidos (EAU) anunciaram que pretendem lançar seu primeiro rover lunar em breve. Segundo Hamad Al Marzooqi, gerente da missão, o rover “Rashid”, batizado em homenagem à família dominante de Dubai, será lançado do Centro Espacial Kennedy, da NASA, na Flórida, entre 9 e 15 de novembro. 

Mohamed bin Zayed Al Nahyan, de cinza, atual presidente dos Emirados Árabes Unidos, conhecendo o protótipo do rover lunar Rashid, em junho deste ano. Imagem: Mohammed Bin Rashid Space Centre

Ele disse ao The National, um jornal vinculado ao governo, que a data exata será anunciada no próximo mês, e que o rover será lançado a bordo de um foguete Falcon 9 da SpaceX, sendo depositado na Lua por um módulo de pouso japonês em março do ano que vem.

“Terminamos com os testes do rover e estamos felizes com os resultados”, disse Al Marzooqi. “O rover foi integrado com o lander e está pronto para o lançamento”.

Essa missão lunar faz parte da campanha mais ampla dos EAU para se tornar um grande concorrente na corrida espacial, hoje dominada pelos EUA, Rússia e China, únicas nações que já pousaram na Lua.

publicidade

Leia mais:

É esperado que o rover Rashid estude a superfície lunar, a mobilidade na superfície da Lua e como diferentes superfícies interagem com partículas lunares. O motorcraft de 10 kg carregará quatro câmeras: duas de alta resolução, uma microscópica e uma de imagens térmicas, além de uma sonda e outros dispositivos.

Os Emirados Árabes Unidos têm planos de desenvolver o satélite comercial mais avançado do Oriente Médio para produzir imagens de alta resolução. Também estabeleceram a ambiciosa meta de construir uma colônia humana até 2117 em Marte, planeta que já vêm estudando desde o ano passado com a sonda Hope.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!