No cinema, o tempo é uma dimensão flexível. Os filmes frequentemente utilizam ferramentas para manipular a temporalidade de suas histórias de maneira coesa com a linguagem cinematográfica. Isso envolve a compressão narrativa, avanço cronológico e a manutenção do ritmo da obra.

Os filmes tradicionalmente manipulam o tempo usando elipses, uma técnica em que ocorre um salto temporal entre duas cenas, pulando um período significativo sem detalhar todas as ações ou eventos desse intervalo.

Adicionalmente, outras técnicas, como os retrocessos (flashbacks) e avanços temporais (flashforwards), são utilizadas para apresentar eventos que não se desenrolam no presente da narrativa.

Contudo, existe uma categoria de filmes que adota uma abordagem oposta: aqueles que se desdobram em tempo real. Nestes filmes, a narrativa ocorre em um período de tempo equivalente à duração do filme. Isso significa que o tempo na história do filme progride de maneira semelhante ao tempo na vida real.

publicidade

A seguir, confira 5 filmes que se passam em tempo real.

Tempo Esgotado (1995)

Nick of Time (1995) / Crédito: Paramount Pictures (divulgação)

Thriller de ação cuja história se desenrola inteiramente em tempo real, os eventos de “Tempo Esgotado” ocorrem dentro do período de 90 minutos de sua duração. A obra conta com Johnny Depp, Christopher Walken, Charles S. Dutton e Courtney Chase no elenco.

Na trama, um contador público (Depp) é coagido a assassinar um político em um horário pré-determinado em troca da liberdade de sua filha sequestrada.

Leia também:

Timecode (2000) 

Timecode (2000) / Crédito: Sony Pictures Releasing (divulgação)

Disponível para alugar e comprar na Amazon Prime Video.

Este filme independente apresenta sua tela dividida em quatro quadros, mostrando histórias interligadas que ocorrem simultaneamente e em tempo real. 

Com um elenco estelar que inclui nomes como Salma Hayek, Stellan Skarsgård, Kyle MacLachlan, Holly Hunter, Julian Sands, Xander Berkeley, Leslie Mann e Mía Maestro, a trama do filme gira em torno de histórias cruzadas envolvendo a produção de um filme e os testes de elenco.

Por um Fio (2002) 

Phone Booth (2002) / Crédito: 20th Century Fox (divulgação)

Disponível para assinantes do Star+.

Com uma trama que se desenrola em tempo real com o objetivo de criar uma tensão constante, “Por um Fio” tem como cenário principal uma cabine telefônica, onde quase toda a história se desenrola. 

Na trama, um publicitário arrogante (Colin Farrell) atende uma ligação na cabine telefônica e descobre que está na mira de um atirador de elite (voz de Kiefer Sutherland), que ameaça matá-lo se ele desligar o telefone. Katie Holmes, Radha Mitchell e Forest Whitaker compõem o elenco.

Amargo Reencontro (2001)

TAPE, Ethan Hawke, Uma Thurman, 2001

Ambientado inteiramente em um quarto de motel e filmado em tempo real, “Amargo Reencontro” é um filme dirigido por Richard Linklater e estrelado por Ethan Hawke, Robert Sean Leonard e Uma Thurman. 

O filme conta a história de três amigos da escola que se reencontram após vários anos em um quarto de motel e revivem lembranças sobre eventos traumáticos do passado.

Festim Diabólico (1948)

Rope (1948) / Crédito: Warner Bros. Pictures (divulgação)

Disponível para assinantes do Belas Artes À La Carte e Oldflix.

Este clássico foi dirigido pelo mestre do suspense Alfred Hitchcock é um dos mais famosos exemplos de filmes cujo a trama se passa em tempo real. Além disso, a obra foi filmada para parecer uma única tomada contínua, embora, na realidade, tenham sido usados vários takes longos para criar essa ilusão.

No enredo, dois homens (John Dall e Farley Granger) estrangulam um colega de classe apenas para provarem que conseguem cometer o “crime perfeito”. Em seguida, eles realizam uma festa em seu apartamento e servem a comida em cima do baú onde o corpo está escondido. Um dos convidados é um professor universitário (James Stewart) que, sem saber, serviu de inspiração para o ato da dupla.