A série sul-coreana ‘Round 6’ (ou ‘Squid Game’) que é recorde de audiência na Netflix, custou somente US$ 21,4 milhões à plataforma, o equivalente a R$ 117,9 milhões na conversão atual. O valor da produção chamou a atenção ao ser comparado ao investimento que a empresa fez no especial de stand-up do comediante Dave Chappelle, que teria custado um valor semelhante, mas rendido muito mais em polêmicas. A informação é do site Bloomberg.

‘The Closer’ foi criticado por atacar diferentes comunidades LGBTQ+, ao ponto de uma engenheira trans da Netflix ter sido suspensa – e reintegrada – por criticar a produção. A marca afirmou que decisão não teve nenhuma relação com os comentários da funcionária, mas o caso levou diversas pessoas a questionar o custo-benefício de uma produção como o stand-up do comediante e a série ‘Round 6’, mais vista na plataforma no momento.

publicidade

Além disso, outras produções de sucesso, como ‘The Crown’ e ‘Stranger Things’, custaram cerca de US$ 10 e US$ 8 milhões por episódio, respectivamente, de acordo com um relatório da revista Variety.

Round 6
Youngkyu Park/Netflix

Leia mais:

‘Round 6’ é a maior série da Netflix de todos os tempos

Segundo a Netflix, ‘Round 6’ foi assistida por 111 milhões de telespectadores, tornando-se o maior lançamento da plataforma. Um dos diretores executivos e também diretor de conteúdo da Netflix, Ted Sarandos, contou que suspeitava que a produção sul-coreana tinha uma “chance muito boa” de se tornar o maior programa da empresa de todos os tempos. 

O sucesso gerou clamor por uma sequência, embora o criador Hwang Dong-hyuk tenha declarado que não está totalmente pronto para outra temporada. Vale ressaltar que todos os nove episódios de ‘Round 6’ podem ser vistos na Netflix. A produção foi aclamada pela crítica e chegou a registrar 100% de aprovação no site Rotten Tomatoes. Atualmente, segue com 94%.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!