O acidente desta quinta-feira (21) com uma arma de fogo no set de filmagem de ‘Rust’ aconteceu logo após parte da equipe de gravações reclamar da insegurança no local de trabalho. O ator Alec Baldwin disparou a arma, que seria cenográfica, mas tinha uma bala de verdade dentro, e acabou matando acidentalmente a cinegrafista e diretora de fotografia Halyna Hutchins e ferindo o diretor Joel Souza.

De acordo com o jornal norte-americano LA Times, cerca de seis trabalhadores da equipe de filmagem saíram do set, localizado no Rancho Bonzana Creek, em Santa Fé, no estado norte-americano do Novo México, em protesto. Eles eram operadores de câmera e assistentes. Ainda segundo a publicação, o grupo estava frustrado com as condições do longa independente.

publicidade

Leia mais:

Entre as reclamações, os profissionais citaram longas horas de trabalho e o valor recebido no contracheque. A equipe chegou de fato às 6h30 (horário local) da quinta-feira, reuniu o equipmento e pertences pessoais para ir embora. Os problemas trabalhistas já eram comentados há alguns dias no set.

A gravação de ‘Rust’ começou no dia 6 de outubro e a produção havia prometido pagar pelos quartos de hotel na cidade. Mas, a equipe foi informada logo que tudo foi iniciado que precisariam viajar de Albuquerque até Santa Fé todos os dias, ao invés de pernoitar no lugar. O trajeto entre as duas cidades tem 80 quilômetros.

Halyna Hutchins, de 42 anos, morta acidentalmente, era uma das que defendiam condições mais seguras para a equipe. Segundo um dos profissionais, integrantes da Aliança Internacional de Teatro e Funcionários de Palco (Iatse, na sigla em inglês) passavam cerca de uma hora montando o equipamento, mas membros não sindicalizados apareceram para substutuí-los. Os sindicalizados foram ordenados a deixar o set por um integrante da produção.

Halyna Hutchins tinha 42 anos e era cinegrafista e diretora de fotografia. Imagem: Instagram/Reprodução

No último sábado (16), duas falhas aconteceram na ignição do canhão de sustentação e outra na semana anterior. “Houve uma grave falta de reuniões de segurança neste set”, disse uma fonte, sob anonimato. A gravação que vitimou Hutchins após o disparo de Alec Baldwin aconteceu seis horas depois da saída dos integrantes do sindicato.

Na cena gravada, Alec Baldwin, que também produz ‘Rust’, estava do lado de fora da igreja do cenário. Um tiroteio começa e o personagem do ator recua da igreja. Este era o 12º dia, dos 21 de filmagem. A produção do filme foi interrompida após o acidente fatal. A polícia do condado de Santa Fé investiga o caso.

Via: LA Times

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!