Após um hiato de 16 anos, um protótipo do icônico Acura Integra dá as caras hoje (12), anunciando o retorno do esportivo premium ao mercado.

O veículo compacto era produzido de 1985 a 2006 pela divisão de luxo da Honda, no Japão, e agora, será fabricado pela primeira vez na América, na cidade de Marysville, em Ohio, EUA. A linha de produção será a mesma do Acura TLX.

publicidade
Acura Integra visto de frente
Imagem: Divulgação/Acura

O design do Integra 2023 conta com uma linha de teto inclinada e tampa traseira elevável, semelhante a um cupê. Em outras palavras, o carro possui traços versáteis de cinco portas e liftback — este último, uma variação do hatchback, com uma linha de teto inclinada entre 5 a 45 graus.

Acura virá com motor do Civic Si

O novo Acura Integra deverá ser uma alternativa compacta e esportiva para o Civic Coupe, já aposentado. Para o veículo, é esperado o mesmo motor do Civic Si, um turbo de 1,5 litros com quatro cilindros e alta potência e VTEC (um sistema de comando de válvulas variável desenvolvido pela Honda).

Veículo correndo
Imagem: Divulgação/Acura

Esta configuração permite a estimativa de pelo menos 200 cv para o lançamento. Também é possível que surja em seguida um modelo com um trem de força ainda mais potente, em um Acura Integra Type S revivido.

Como padrão, sua transmissão será manual de seis velocidades, com opcional automática. A tração dianteira provavelmente será a única configuração do novo esportivo. Na parte de iluminação, há uso de LED também para os faróis e, junto ao painel traseiro agressivo com acabamentos de escape duplo, vemos amplos faróis traseiros.

Parte de trás do carro esportivo da Acura
Imagem: Divulgação/Acura

Cores tradicionais da história do Integra

Suas rodas de 19 polegadas surgem com acabamento fosco e enormes freios Brembo com pinças de cor Indy Yellow. No corpo do Integra, a Acura traz um Indy Yellow Pearl, em homenagem ao Phoenix Yellow presente no Integra Type R do início dos anos 2000. A mesma tonalidade é vista no esportivo Honda NSX e até mesmo no Integra original, de 1986. Segundo o vice-presidente e diretor da marca Acura, Jon Ikeda, o Integra “é um dos modelos mais icônicos da história da Acura”.

Lateral do Integra
Imagem: Divulgação/Acura

O nome do esportivo de entrada é reforçado com um gráfico de peitoril inferior exibido em negrito na lateral do veículo. Além da pintura, o compacto esportivo de luxo exibe o nome Integra em baixo relevo sob o farol ao lado do motorista e da lanterna traseira do lado do passageiro.

A produção do veículo já começa em 2022, com as unidades já chegando às concessionárias no mesmo ano. Até lá, deverão surgir mais detalhes sobre o trem de força, recursos padrão e opcionais.

A Acura traz o preço de entrada do Integra em US$ 30 mil — cerca de R$ 163 mil, desconsiderando diferenças de impostos ou taxas. Um possível modelo Type S do Integra poderá custar algo em torno dos US$ 40 mil (R$ 217 mil).

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.