Há alguns meses, a SpaceX vem se preparando para o primeiro voo de teste orbital da Starship, o gigantesco veículo que está sendo desenvolvido pela empresa de Elon Musk para levar carga e tripulantes para a Lua, Marte e outros destinos no espaço profundo. 

Ilustração artística de um voo orbital da Starship. Imagem: Paopano – Shutterstock

“No fim do próximo mês, talvez, mas novembro parece altamente provável”, twittou Musk nesta quarta-feira (21). “Teremos dois propulsores e naves prontas para o voo orbital até lá, com produção completa do empilhamento de aproximadamente um a cada dois meses”, revelou o fundador e CEO da SpaceX.

Elon Musk responde a um seguidor sobre o voo de teste orbital da Starship

A Starship consiste em um enorme propulsor de primeiro estágio chamado Super Heavy e uma espaçonave de 50 metros de altura também batizada de Starship. Ambos os elementos serão totalmente reutilizáveis, e os dois serão alimentados por motores Raptor de próxima geração da SpaceX, sendo 33 para o propulsor e seis para a cápsula.

Se tudo correr de acordo com o plano, o próximo teste de voo orbital será conduzido pelos protótipos Booster 7 e Ship 24. A SpaceX tem realizado testes de motores com ambos os veículos nas últimas seis semanas na Starbase, a instalação da empresa no Sul do Texas. 

publicidade

Na segunda-feira (19), por exemplo, o Booster 7 acionou sete de seus 33 Raptors — maior quantidade do que jamais havia esquentado simultaneamente — em um breve teste de “fogo estático”.

De acordo com o site Space.com, presume-se que a SpaceX vai continuar aumentando esse número de disparos estáticos, eventualmente acionando todos os 33 motores do Booster 7. Quando isso acontecer, uma tentativa de lançamento orbital provavelmente estará bem próxima.

Leia mais:

Esse voo de teste vai decolar da Starbase, enviando a cápsula Ship 24 em uma viagem orbital que terminará com um mergulho de pouso no Oceano Pacífico, perto da ilha havaiana de Kauai. O Booster 7 deverá cair no Golfo do México, ao largo da costa do Texas, pouco depois do lançamento.

Mas a SpaceX está trabalhando para construir um outro local de lançamento para a Starship. A empresa está modificando a histórica Plataforma de Lançamento 39A, no Centro Espacial Kennedy (KSC), da NASA, na Flórida, para acomodar os lançamentos de seu megafoguete, que será o maior e mais poderoso veículo espacial já lançado.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!