Segundo o analista de mercado Ming-Chi Kuo, especializado na Apple, em 2022 os iPhones receberão um grande upgrade em seu sistema de câmeras, com sensores de 48 MP e a capacidade de gravar vídeos em resolução 8K. 

Em um relatório para investidores divulgado nesta quarta-feira (14), o analista afirma que os aparelhos (a que se refere como 2H22, significando “segunda metade de 2022“) terão um sensor de 48 MP com tamanho de 1/1.3” na câmera grande angular. O sensor poderia suportar modos híbridos de operação para maximizar o tamanho dos pixels e a captação de luz.

publicidade

“Acreditamos que o novo iPhone 2H22 pode suportar saída direta de 48 MP e 12MP (com quatro células combinadas) simultaneamente”, diz Kuo. “Com saída de 12MP, o tamanho dos pixels no novo iPhone 2H22 aumenta para cerca de 2,5 µm, o que é significativamente maior do que no iPhone 12, iPhone 13 e superior aos telefones Android existentes, e perto do nível de câmeras digitais dedicadas”. Um µm (micrômetro) representa um milésimo de milímetro, ou um milionésimo de metro.

Leia mais:

Para referência, o sensor de imagem do iPhone 12 tem células (ou “pixels”) de 1,7 µm, e estima-se que o sensor do iPhone 13 terá células de 2 µm. Quanto maior o tamanho das células, mais luz elas conseguem captar, e melhor o desempenho da câmera sob pouca luz.

Sensores de 48 MP capazes de “combinar” quatro células para produzir imagens de 12 MP com maior sensibilidade à luz são um recurso comum em smartphones Android há algum tempo, chamado “binning”.

Kuo também sugere que o sensor de resolução mais alta poderá suportar gravação de vídeo em 8K, novamente um recurso que já está presente em alguns smartphones Android como o Samsung Galaxy S21, Xiaomi Mi 11, OnePlus 9 e outros. O sensor dos iPhones de 2022 continuaria a ser produzido pela Sony, com a LG encarregada da construção do módulo de câmera.

iPhone 11 Pro e iPhone 12 Pro Max
iPhone 11 Pro e 12 Pro Max. Mesmo com sensor de “apenas” 12 MP, qualidade de imagem é destaque. Imagem: Hadrian/Shutterstock

Vale mencionar que a Apple nunca entrou na “corrida dos megapixels” nas câmeras de smartphones. A resolução do sensor raramente é destaque quando novos modelos são apresentados, e a empresa prefere focar na qualidade de imagem e novos recursos. Com um sensor de “apenas” 12 MP o iPhone 12 Pro é capaz de produzir imagens com qualidade similar à de aparelhos com sensores de muito mais alta resolução, como o Galaxy S21.

Por fim, Kuo sugere que em 2022 a Apple irá abandonar o iPhone “mini”, focando na produção de modelos com telas de 6,1″ e 6,7″. A Apple não separa as vendas de iPhones por modelo em seus relatórios fiscais, mas há muito circulam rumores de que os consumidores não se interessaram pelo modelo, e que a empresa teria reduzido a produção.

Fonte: Apple Insider