A espaçonave de carga Dream Chaser vai começar a fazer missões para a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) em 2022. Para realizar os trabalhos, o veículo vai utilizar a antiga pista de pouso da Nasa, no Centro Espacial John F. Kennedy, localizado no estado da Flórida.

A pista de pouso mede 4.570 metros e foi palco do retorno de 78 missões dos ônibus espaciais, mas não é usada há dez anos. O último pouso na pista foi do Atlantis, na missão STS-135, em julho de 2011.

publicidade

Leia mais:

O anúncio do uso da pista foi feito pela Sierra Nevada Corp (SNC), empresa dona da espaçonave, na última terça-feira (4). A companhia entrou em acordo com a Space Florida, que administra o local. Assim, a SNC será “o primeiro usuário comercial” a utilizar as instalações.

“Esse é um grande passo para a Dream Chaser e para o futuro das viagens espaciais. Ter um veículo comercial voltando da Estação Espacial Internacional para uma pista de pouso pela primeira vez desde que o programa do ônibus espacial da Nasa terminou, há uma década, será uma conquista histórica”, disse Fatih Ozmen, CEO da SNC.

A Dream Chaser é quatro vezes menor que o ônibus espacial Atlantis. Imagem: SNC/Divulgação

Segundo o site Space, o acordo também aproxima a Sierra Nevada da licença de reentrada da Administração Federal de Aviação (FAA, sigla em inglês), algo necessário antes da primeira missão da Dream Chaser. O contrato da empresa com a Nasa prevê, no mínimo, seis voos sem tripulação com carga até a ISS.

“O avião espacial Dream Chaser é, sem dúvida, o melhor caminho para casa. Um pouso na pista é a solução ideal para humanos e para a ciência”, destacou Janet Kavandi, vice-presidente executiva da área de negócios de Sistemas Espaciais da SNC e ex-astronauta. Ela integrou três missões a bordo de ônibus espaciais.

A espaçonave Dream Chaser mede apenas 9 metros de comprimento, quatro vezes menor que o ônibus espacial Atlantis, que tinha 37,2 metros da ponta à cauda. A aeronave da SNC decolará a bordo de foguetes Vulcan, com lançamento na Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral, também na Flórida.

Via: Space

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!