O incomum e elétrico Frikar, da startup norueguesa Podbike, será entregue antes mesmo do previsto. Desenvolvido como um híbrido parte carro, parte e-bike, o veículo de quatro rodas acabou sendo um sucesso tão grande, que registrou um número de pré-encomendas superior às expectativas, adiantando o processo de entregas para 2022.

No ano passado, a Podbike tinha afirmado que o Frikar estava programado para ser entregue aos clientes só em 2023. Agora, a empresa possui mais de 3.400 pré-encomendas (e o número só aumenta), com seu próprio site oficial anunciando que as entregas estão previstas para começar este ano.

publicidade

Os primeiros clientes que receberão seus “velomóveis” exclusivos são da Noruega (algo meio esperado). A Alemanha também está no topo da lista, pois muitos dos clientes da empresa são desse país.

Leia mais:

Pessoa dentro de um Frikar
Imagem: Divulgação/Podbike

O Frikar destina-se a substituir as viagens de carro de curta distância, sendo uma alternativa para evitar o tráfego intenso e reduzir as emissões. A “bicicleta de quatro rodas” foi projetada para o clima nórdico, oferecendo proteção completa contra intempéries.

Como opções extras, o veículo traz aquecimento e uma cabine de ar filtrado. Durante os dias quentes, é possível remover o dossel. Seu design é monolugar, mas é possível optar por uma cadeira de criança adicional, havendo espaço para transporte de bagagens. A cabine é dotada de uma abertura vertical, igual a um cockpit de aeronave.

Veículo da Podbike em uma estrada
Imagem: Divulgação/Podbike

A sensação de dirigir um carro elétrico

Suas medidas são 230 cm de comprimento, 84 cm de largura sendo e, segundo a fabricante, dois centímetros mais largo do que o Lamborghini Miura. Aqui, algo em linha com que o Frikar promete como “a sensação de dirigir um carro”.

Há três motores de 250 W, cada um localizado próximo a um dos pneus e, ao pedalar, o piloto gera potência para os motores traseiros, que também fazem às vezes de freio regenerativo. Sua bateria oferece 877 Wh (que pode ser expandida com um módulo de duas células auxiliares) e pode ser carregada no veículo ou removida para carregamento remoto.

Velomóvel meio bicicleta, meio carro
Imagem: Divulgação/Podbike

O veículo possui autonomia prevista para 80 km – descidas e trechos inclinados prometem aumentar esse número em até 40%. Seu trem de força é responsável por uma velocidade máxima de 25 km/h, que pode variar em virtude de alguns fatores, segundo a Podbike. Pedalando inspirado e descendo morros, por exemplo, o Frikar pode alcançar até 60 km/h.

No momento, os preços para a “e-bike de quatro rodas” começam em € 6.250. Em conversão direta, desconsiderando diferenças de impostos ou taxas, o valor equivale a R$ 39.514 aproximadamente. Por um extra de um pouco mais de R$ 4 mil, os compradores podem atualizar para a versão Plus do Frikar, que inclui estofamento interno, ventilador de ar, dois espelhos, bolsos laterais, iluminação interna e alarme.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!