Ciência e Espaço

Polaris: conheça o programa espacial do bilionário que patrocinou a Inspiration4

14/02/22 11h38, atualizada em 14/02/22 12h01
Ilustração de abertura para a missão Polaris

O bilionário norte-americano Jared Isaacman, que patrocinou a Inspiration4, primeira missão orbital tripulada feita pela iniciativa privada, quer voltar ao espaço. E não apenas para mais umas “voltinhas” ao redor da Terra: nesta segunda-feira (14) ele anunciou o que é, na prática, o primeiro programa espacial privado, chamado Polaris.

Composto por três missões, o programa tem como objetivo “avançar rapidamente as capacidades de voo espacial da humanidade, e continuar arrecadando fundos e dando visibilidade a causas importantes na Terra”.

Missão Polaris Dawn terá primeira caminhada espacial privada na história. Imagem: Polaris

A primeira missão, que deve decolar “não antes do quatro trimestre de 2022”, se chamará Polaris Dawn (algo como “Amanhecer Polaris”). Ela irá voar “mais alto” que qualquer cápsula Dragon até hoje, chegando a atravessar partes do “Cinturão de Van Allen”, uma área de radiação espacial mais intensa que circula nosso planeta e que começa a 640 km de altitude.

Os planos para a missão incluem uma caminhada espacial (EVA, Extra Vehicular Activity) a 500 km de altitude, usando novos trajes para EVA da SpaceX, derivados dos atuais trajes que só podem ser usados dentro da Crew Dragon. 

Leia mais:

Também estão entre os objetivos a realização de experimentos médicos, incluindo o estudo da Síndrome Neuro-Ocular Associada aos Voos Espaciais (SANS, Spaceflight Associated Neuro-Ocular Syndrome), uma série de condições que afeta a visão de viajantes espaciais.

Outra tecnologia que será testada na missão será a comunicação via Laser com a rede de satélites Starlink. O objetivo é “fornecer dados valiosos para futuros sistemas de comunicação espacial para missões à Lua, Marte e além”.

Os tripulantes da Polaris Dawn serão o próprio Jared Isaacman, como comandante, e três funcionários da SpaceX: Scott Poteet será o piloto, Sarah Gills será a especialista da missão e Anna Menon será a oficial médica. Todos são certamente conhecidos de quem assistiu ao documentário “Inspiration4: Viagem Estelar” no Netflix, já que estiveram diretamente envolvidos no treinamento da tripulação da Inspiration4.

Tripulação da Polaris Dawn. Da esquerda para a direita: Jared Isaacman, Anna Menon, Sarah Gills e Scott Poteet. Imagem: Polaris

As outras missões do programa Polaris ainda não tem nomes ou datas anunciadas. A “Missão II” também será feita em uma Crew Dragon, e irá “continuar a expandir os limites de futuras missões espaciais humanas, comunicação no espaço e pesquisa científica”.

Já a “Missão III” é bem mais ambiciosa: será nada menos do que a primeira missão tripulada a bordo de uma Starship, espaçonave que está sendo construída pela SpaceX para levar tripulantes à Lua e, eventualmente, Marte. O objetivo não foi anunciado.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe sua opinião
Tags